Exportações de minério do Brasil crescem 7,5% em abril

Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

As vendas externas de minério de ferro somaram US$ 3,3 bilhões em abril, ante US$ 1,6 bilhão um ano antes

As exportações de minério de ferro do Brasil somaram 25,8 milhões de toneladas em abril, alta de 7,5% ante um ano antes, enquanto os preços da commodity também cresceram de forma expressiva diante de uma demanda firme da China, apontaram dados do governo hoje (3).

Um dos maiores exportadores globais de minério de ferro, o Brasil vendeu a commodity em abril por um valor médio de US$ 129,8 por tonelada, ante US$ 67,6 por tonelada no mesmo mês do ano passado, informou a Secex (Secretaria de Comércio Exterior).

LEIA MAIS: Minério de ferro segue para 5ª alta semanal na esteira do preço recorde do aço

Com isso, as vendas externas de minério de ferro somaram US$ 3,3 bilhões em abril, ante US$ 1,6 bilhão um ano antes.

O cenário é explicado por uma forte demanda da China, cuja economia está em recuperação após o baque devido ao novo coronavírus. O governo chinês tem também lançado estímulos para incentivar as atividades econômicas no país, um grande consumidor de commodities.

O cenário tem beneficiado a mineradora Vale, uma das maiores produtoras globais de minério de ferro, cujas vendas cresceram quase 15% no primeiro trimestre. No período, a mineradora registrou ainda um prêmio de mais de 8 dólares por tonelada pelo produto.

As exportações de petróleo pelo Brasil, por sua vez, cresceram 0,9% em abril, versus um ano antes, para 6,7 milhões de toneladas, segundo a Secex.

O valor médio das exportações foi de US$ 406,3 por tonelada, ante US$ 274,7 em abril de 2020, com os embarques resultando em divisas de US$ 2,7 bilhões no mês passado. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).