Palantir permite pagamentos em bitcoin, avalia investir em criptomoedas

Jakub Porzycki/NurPhoto/Getty
Jakub Porzycki/NurPhoto/Getty

Co-fundada em 2003 pelo bilionário Peter Thiel, a Palantir é conhecida principalmente por seu trabalho com agências de defesa e inteligência do governo dos Estados Unidos

A empresa de análise de dados Palantir disse hoje (11) que começou a aceitar bitcoin como pagamento de clientes e também considera investir em criptomoedas.

Conhecida principalmente por seu trabalho com agências de defesa e inteligência do governo dos Estados Unidos, incluindo a CIA, a Palantir permite que os clientes integrem dados com suas plataformas de software, o que os ajuda a obter uma visão analítica de suas operações.

LEIA TAMBÉM: Valor de mercado do dogecoin dispara após Musk cogitar criptomoeda para compra de veículos Tesla

Co-fundada em 2003 pelo bilionário Peter Thiel, que apoiou Donald Trump nas eleições presidenciais dos Estados Unidos de 2016, a Palantir se envolveu em controvérsias com analistas que questionaram o valor da companhia e levantaram questões de privacidade em torno dos dados aos quais a empresa tem acesso. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).