Tesla negocia com chinesa EVE para baterias de baixo custo

As negociações estão avançadas e a Tesla busca finalizar a parceria no terceiro trimestre, disseram duas fontes.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Westend61/GettyImages
Westend61/GettyImages

As negociações estão avançadas e a Tesla busca finalizar a parceria no terceiro trimestre, disseram duas fontes

Acessibilidade


A Tesla negocia com a fabricante chinesa de baterias EVE Energy para adicioná-la à sua cadeia de insumos da fábrica em Xangai, disseram quatro fontes a par do assunto, conforme busca elevar a compra de baterias de baixo custo.

A EVE fabrica baterias de fosfato de ferro-lítio (LFP), mais baratas porque usam ferro em vez de níquel e cobalto. Mas as baterias LFP geralmente oferecem um alcance mais curto com uma única carga do que a alternativa mais popular de níquel/cobalto. A EVE se tornaria a segundo fornecedora de baterias LFP para a Tesla, além da Amperex (CATL).

LEIA MAIS: Tudo sobre finanças e o mercado de ações

As negociações estão avançadas e a Tesla busca finalizar a parceria no terceiro trimestre, disseram duas fontes.

As negociações acontecem no momento em que a Tesla enfrenta crescente competição de rivais chineses como Nio e Li Auto, bem como a crescente pressão de custos.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A EVE, que fornece baterias para a fabricante chinesa de carros elétricos Xpeng, também tem parcerias de fornecimento de bateria com BMW e Daimler. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: