Câmbio já fez "overshooting" e dólar não deve voltar a R$ 5,80, diz Guedes

Adriano Machado/Reuters
Adriano Machado/Reuters

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que, provavelmente, o câmbio não voltará a ter alta de R$ 5,80

O ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou hoje (8) que o câmbio já passou por o que classifica como overshooting e que a cotação do dólar, atualmente em torno dos R$ 5,00, não deve retomar os patamares elevados de anteriormente.

“O câmbio também está se acalmando, porque nós certamente já observamos o que classificamos como ‘overshooting‘. A taxa de câmbio foi a R$ 5,80, R$ 5,60, e agora recuperou-se a R$ 5,00. Provavelmente, o câmbio não terá essa alta novamente”, disse Guedes, em inglês, em evento promovido pelo Bradesco BBI.

LEIA MAIS: Campos Neto diz que câmbio reagiu a melhora fiscal e reforça que cumprirá meta de inflação

O dólar spot fechou o pregão de ontem (7) com variação positiva de 0,03%, a R$ 5,0380 na venda. Até o momento em 2021, a moeda norte-americana acumula queda de aproximadamente 2,9% contra o real.

Overshooting” denota uma moeda que estaria mais desvalorizada do que o que seria sugerido pelos fundamentos da economia. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).