Subsidiária da CTG Brasil emite R$ 845 milhões em debêntures

Ueslei Marcelino/Reuters
Ueslei Marcelino/Reuters

A elétrica Rio Paraná Energia indicou que a maior parte do montante será destinada a melhorias em usinas hidrelétricas

A elétrica Rio Paraná Energia, subsidiária da CTG Brasil, concluiu uma emissão de R$ 845 milhões em debêntures, informou hoje (24) a companhia, indicando que a maior parte do montante será destinada a melhorias em usinas hidrelétricas.

De acordo com a empresa, ligada à chinesa CTG, a segunda etapa de modernização das usinas de Ilha Solteira e Jupiá receberá R$ 650 milhões provenientes da captação, em debêntures de infraestrutura com vencimento em 10 anos e remuneração de IPCA + 4,6279% ao ano.

LEIA MAIS: Energisa fará oferta pública por ações da Rede Energia a R$ 8,42 por papel

O restante do valor captado tem vencimento em três anos, com rendimento equivalente ao CDI + 1,20% ao ano, acrescentou a elétrica.

“O sucesso dessa captação demonstra o reconhecimento do nosso potencial pelo mercado, fortalece nossos negócios no longo prazo e permite avançar nas etapas de modernização dos ativos de Ilha Solteira e Jupiá”, disse em nota o vice-presidente de Finanças e Relações com Investidores da CTG Brasil, Carlos Carvalho.

O processo de melhoria das usinas foi iniciado em 2017 e possui investimento previsto de R$ 3 bilhões. A segunda etapa do projeto, a ser financiada por parte das debêntures, inclui a modernização de oito unidades geradoras – quatro em cada hidrelétrica -, sistemas auxiliares elétricos e mecânicos e a implantação de um novo Centro de Operação da Geração.(Com Reuters)


Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).