ByteDance, dona do Tiktok, retoma plano de IPO em Hong Kong

A ByteDance foi avaliada em US$ 180 bilhões e não confirmou a possível abertura de capital .

Russell Flannery
Compartilhe esta publicação:
Gilles Sabrie
Gilles Sabrie

O presidente da companhia, Zhang Yiming, tem fortuna estimada pela Forbes em US$ 35,8 bilhões

Acessibilidade


A ByteDance, que opera aplicativos como o TikTok e o Douyin, planeja abrir o seu capital em Hong Kong no início de 2022, “apesar das crescentes políticas regulatórias contra empresas de tecnologia chinesas”, informou o Financial Times ontem (9). Segundo a publicação, a empresa planeja ser listada no quarto trimestre deste ano ou no início de 2022.

Depois de adiar sua listagem no exterior, a ByteDance passou os últimos meses analisando as regulamentações chinesas em relação à segurança de dados, como as regras para armazenamento e gerenciamento de informações dos usuários das plataformas. A companhia não quis comentar a reportagem do Financial Times.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A ByteDance, cujos investidores incluem fundos apoiados pela Sequoia, foi avaliada em US$ 180 bilhões em uma rodada no final de 2020. O presidente da companhia, Zhang Yiming, tem fortuna estimada em US$ 35,8 bilhões pela Forbes.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: