Vice-presidente da Samsung recebe liberdade condicional e deve deixar prisão na sexta-feira

Lee ainda precisa que o Ministro da Justiça aprove seu retorno ao trabalho

Redação
Compartilhe esta publicação:
 Chung Sung-Jun/Getty Images
Chung Sung-Jun/Getty Images

Jay Y Lee foi condenado por subornar um amigo da ex-presidente da Coreia do Sul

Acessibilidade


O vice-presidente do conselho de administração da Samsung Electronics, Jay Y. Lee, que foi preso após condenações que envolveram suborno, fraude e outras acusações, se qualificou para receber liberdade condicional e deve deixar a prisão na sexta-feira, informou o Ministério da Justiça da Coreia do Sul.

“A decisão de conceder liberdade condicional ao vice-presidente do conselho da Samsung Electronics, Jay Y. Lee, foi o resultado de uma revisão abrangente de vários fatores, como sentimento público e bom comportamento durante a detenção”, disse o ministério em um comunicado nesta segunda-feira.

LEIA MAIS: Atrás das grades: 9 bilionários e ex-bilionários que já foram presos

Condenado por subornar um amigo da ex-presidente da Coreia do Sul Park Geun-hye, Lee, de 53 anos, cumpriu 18 meses de uma sentença revisada de 30 meses.

O apoio à sua liberdade condicional, tanto político quanto público e da comunidade empresarial mais ampla, cresceu em meio à ansiedade de que importantes decisões estratégicas não estão sendo tomadas na gigante sul-coreana de tecnologia.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Lee ainda precisa que o Ministro da Justiça aprove seu retorno ao trabalho, já que a lei sul-coreana proíbe pessoas com certas condenações de trabalhar para empresas relacionadas a estas por cinco anos.

É provável que ele consiga voltar à Samsung, dizem especialistas jurídicos, devido às circunstâncias como o reembolso do valor considerado desviado.

A Samsung Electronics não quis comentar. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: