10 irmãos bilionários no Brasil e no mundo

Compartilhar a gestão de empresas entre irmãos não é raro no mundo dos superricos, confira os principais exemplos na lista da Forbes.

Mariangela Castro
Compartilhe esta publicação:
Arte / Forbes
Arte / Forbes

Os irmãos bilionários Pedro, Fernando, Walther e João Moreira Salles são filhos do banqueiro Walther Moreira Salles, acionistas do Itaú Unibanco e controladores da CBMM

Acessibilidade


Para aqueles com irmãos, compartilhar o quarto, as roupas e os brinquedos pode ser um desafio. No mundo dos superricos, porém, o comum pode ser compartilhar empresas. As maiores companhias do Brasil e do mundo fundadas por famílias costumam ter irmãos entre os principais acionistas e em elevados cargos, sejam executivos ou em conselhos.

No Brasil, um exemplo está entre os quatro filhos de Walther Moreira Salles: Pedro, Fernando, Walther e João Moreira Salles, principais acionistas e controladores do Itaú Unibanco e da CBMM (Companhia Brasileira de Metalurgia e Mineração). Juntos, eles controlam uma fortuna estimada pela Forbes em R$ 54,5 bilhões.

LEIA MAIS: Os 10 bilionários mais jovens do Brasil

O mesmo acontece com herdeiros da Hapvida. Candido e Jorge Pinheiro Koren de Lima detêm fatias acionárias idêntica, patrimônio de R$ 10,6 bilhões cada. Ambos os irmãos trabalham na empresa. Jorge é o CEO, e Candido, o vice-presidente comercial.

Ao redor do mundo, situações assim também não são raras. Em uma das famílias mais ricas do planeta, os irmãos Rob, Alice e Jim Walton controlam a maior parte das ações do Walmart. Os três são filhos do fundador da rede, Sam Walton, e possuem conjuntamente cerca de metade dos papéis da companhia.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Nos Estados Unidos, outro exemplo marcante são as irmãs Marijke, Pamela, Valerie e Victoria Mars, todas filhas de Forrest Mars Jr. e herdeiras da Mars Incorporated, empresa de doces e rações para animais de estimação. Quando o pai delas morreu, em 2016, cada uma recebeu cerca de 8% da empresa onde atuam.

Marijke está no conselho de diretores, Pamela é a embaixadora da família na divisão de cuidados com animais de estimação da Mars, Valerie é a vice-presidente de desenvolvimento corporativo e Victoria é ex-presidente da companhia.

Em comemoração ao dia do irmão celebrado hoje (5), a Forbes elencou 10 irmãos no Brasil e no mundo que possuem fortunas bilionárias.

  • Itaú Unibanco

    Pedro Moreira Salles
    Patrimônio: R$ 14 bilhões
    Idade: 61 anos

    Fernando Moreira Salles
    Patrimônio: R$ 13,5 bilhões
    Idade: 75 anos

    Walther Moreira Salles Junior
    Patrimônio: R$ 13,5 bilhões
    Idade: 59 anos

    João Moreira Salles
    Patrimônio: R$ 13,5 bilhões
    Idade: 65 anos

    Os irmãos Pedro, Fernando, Walther e João Moreira Salles são filhos do banqueiro Walther Moreira Salles, acionistas do Itaú Unibanco e controladores da CBMM, responsável por mais de 80% do nióbio de ferro produzido no mundo. João e Walther também são cineastas e mantém em São Paulo o Instituto Moreira Salles.

    Getty Images
  • Walmart

    Rob Walton
    Patrimônio: US$ 67,6 bilhões
    Idade: 76 anos

    Alice Walton
    Patrimônio: US$ 67,9 bilhões
    Idade: 71 anos

    Jim Walton
    Patrimônio: US$ 68,8 bilhões
    Idade: 73 anos

    Rob, Alice e Jim são os três filhos de Sam Walton, fundador do Walmart. Os três possuem coletivamente cerca de metade das ações da empresa. Walton assumiu como presidente do conselho da rede após a morte de seu pai, em 1992, e se aposentou em junho de 2015.

    Jim também fez parte do conselho por mais de uma década antes de ceder a cadeira para seu filho, Steuart, em junho de 2016. Já Alice se concentrou em curadoria de arte, em vez de trabalhar para o Walmart como seus irmãos, e em 2011 abriu o Museu de Arte Americana Crystal Bridges em sua cidade natal, Bentonville.

    Rick T. Wilking / Getty Images
  • Magazine Luiza

    Fabrício Bittar Garcia
    Patrimônio: R$ 11,22 bilhões
    Idade: 44 anos

    Flávia Bittar Garcia Faleiros
    Patrimônio: R$ 11,18 bilhões
    Idade: ND

    Franco Bittar Garcia
    Patrimônio: R$ 11,16 bilhões
    Idade: 37 anos

    Com fatias acionárias ligeiramente diferentes, os irmãos Fabrício, Flávia e Franco são
    herdeiros das ações do casal Wagner e Maria Trajano Garcia, participantes da fundação do
    Magazine Luiza, por meio da holding Walter Garcia Participações. Fabrício, que trabalha na
    empresa desde 1996, é o atual vice-presidente de operações da gigante varejista.

    Reprodução / Facebook
  • Mars, Inc

    Marijke Mars
    Patrimônio: US$ 7,9 bilhões
    Idade: 57 anos

    Pamela Mars
    Patrimônio: US$ 7,9 bilhões
    Idade: 61 anos

    Valerie Mars
    Patrimônio: US$ 7,9 bilhões
    Idade: 62 anos

    Victoria Mars
    Patrimônio: US$ 7,9 bilhões
    Idade: 64 anos

    As quatro irmãs Marijke, Pamela, Valerie e Victoria são filhas de Forrest Mars Jr. e herdeiras da Mars Incorporated, empresa de doces e rações para animais de estimação. A companhia foi fundada pelo bisavô das irmãs, Frank Mars, em 1911. Quando o pai delas morreu, em 2016, cada uma recebeu cerca de 8% da Mars.

    Marijke atua no conselho de diretores da empresa, Pamela é a embaixadora da família na divisão de cuidados com animais de estimação da Mars, Valerie é a vice-presidente de desenvolvimento corporativo da empresa e Victoria é ex-presidente da companhia.

    Victoria Mars / Acervo Pessoal
  • Hapvida

    Candido Pinheiro Koren de Lima Júnior
    Patrimônio: R$ 10,6 bilhões
    Idade: 50 anos

    Jorge Fontoura Pinheiro Koren de Lima
    Patrimônio: R$ 10,6 bilhões
    Idade: 48 anos

    Candido Júnior e Jorge são os filhos do médico oncologista Candido Pinheiro, fundador da Hapvida, que estreou na bolsa em abril de 2018. Cada um dos irmãos detém fatia acionária idêntica na Ppar Participações, controladora da companhia. Jorge é o CEO da Hapvida e Candido Júnior é VP comercial

    Forbes / Reprodução
  • Chanel

    Alain Wertheimer
    Patrimônio: US$ 33,2 bilhões
    Idade: 73 anos

    Gerard Wertheimer
    Patrimônio: US$ 33,2 bilhões
    Idade: 70 anos

    Alain e Gerard são os donos da marca francesa de luxo Chanel. O avô dos irmãos, Pierre, foi parceiro da estilista Gabrielle (Coco) Chanel na década de 1920. Alain é o presidente da marca e Gerard chefia a divisão de relógios da empresa.

    Julien Hekimian / Getty Images
  • Suzano

    Daniel Feffer
    Patrimônio: R$ 7,31 bilhões
    Idade: 62 anos

    David Feffer
    Patrimônio: R$ 7,64 bilhões
    Idade: 65 anos

    Ruben Feffer
    Patrimônio: R$ 7,21 bilhões
    Idade: 51 anos

    Jorge Feffer
    Patrimônio: R$ 7,2 bilhões
    Idade: 61 anos

    Os irmãos Daniel, David, Ruben e Jorge Feffer controlam a fábrica de papel hoje conhecida como Suzano, fundada nos anos 1920 pelo avô, Leon Feffer, em São Paulo. Daniel atua como vice-presidente do conselho de administração da companhia, David é o presidente do conselho, Ruben é sócio da produtora de audiovisual Ultrassom e da distribuidora de filmes Elo, enquanto Jorge tem experiência no setor editorial e de educação ambiental.

    Arte / Forbes
  • SABMiller

    Andres Santo Domingo
    Patrimônio: US$ 1,8 bilhões
    Idade: 43 anos

    Alejandro Santo Domingo
    Patrimônio: US$ 3 bilhões
    Idade: 44 anos

    Os irmãos Andres e Alejandro herdaram juntos a participação multibilionária de 15% seu pai Julio Mario na gigante da cerveja SABMiller, quando ele morreu em 2011. Atualmente, a maior parte da fortuna dos dois está na Anheuser-Busch InBev, da qual Alejandro é diretor.

    Patrick McMullan / Getty Images
  • Amil e Dasa

    Camilla de Godoy Bueno Grossi
    Patrimônio: R$ 7 bilhões
    Idade: 42 anos

    Pedro de Godoy Bueno
    Patrimônio: R$ 7 bilhões
    Idade: 31 anos

    Os meios-irmãos Pedro e Camilla figuram entre os grandes acionistas da Dasa Diagnósticos da América) após a morte do pai, Edson de Godoy Bueno (1943-2017). Junto de Dulce (ex-mulher de Edson e mãe de Camilla), eles dividem uma fatia acionária da Amil, comprada pela gigante UnitedHealth por US$ 4,9 bilhões em 2012.

    Divulgação
  • Hexal

    Andreas Struengmann e família
    Patrimônio: US$ 24,6 bilhões
    Idade: 71 anos

    Thomas Struengmann & family
    Patrimônio: US$ 24,6 bilhões
    Idade: 71 anos

    Os irmãos gêmeos Andreas e Thomas Struengmann venderam sua fabricante de medicamentos genéricos Hexal para a Novartis por cerca de US $ 7 bilhões. Atualmente, eles investem em empresas de biotecnologia, farmacêutica, ciências da vida e saúde por meio de sua empresa de investimento sediada em Zug, na Suíça, a Santo Holding. Em 2008, estabeleceram um centro de pesquisa em neurociência em Frankfurt com o nome de seu pai, Ernst Struengmann.

    ROBERT BREMBECK/VISUM/REDUX

Itaú Unibanco

Pedro Moreira Salles
Patrimônio: R$ 14 bilhões
Idade: 61 anos

Fernando Moreira Salles
Patrimônio: R$ 13,5 bilhões
Idade: 75 anos

Walther Moreira Salles Junior
Patrimônio: R$ 13,5 bilhões
Idade: 59 anos

João Moreira Salles
Patrimônio: R$ 13,5 bilhões
Idade: 65 anos

Os irmãos Pedro, Fernando, Walther e João Moreira Salles são filhos do banqueiro Walther Moreira Salles, acionistas do Itaú Unibanco e controladores da CBMM, responsável por mais de 80% do nióbio de ferro produzido no mundo. João e Walther também são cineastas e mantém em São Paulo o Instituto Moreira Salles.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: