CEO da tailandesa KCE Electronics, Bancha Ongkost, se torna bilionário

Companhia está entre os principais fornecedores de placas de circuito impresso (PCB e PCBA, nas siglas em inglês) para veículos eletrônicos .

Zinnia Lee
Compartilhe esta publicação:

O bilionário tailandês, de 70 anos, Bnacha Ongkost, estudou design gráfico e fundou a KCE em 1982

Acessibilidade


As ações da KCE Electronics, fabricante tailandesa de placas de circuito impresso, saltaram 534% desde março de 2020, impulsionadas pelo aumento na demanda automobilística. O movimento também deu impulso para o fundador e presidente do conselho de administração da empresa, Bancha Ongkost, alcançar a lista de bilionários da Forbes. Ongkosit, de 70 anos, tem um patrimônio líquido estimado em pouco mais de US$ 1 bilhão, fruto de sua participação na KCE Electronics.

A companhia anunciou um aumento de 126% no lucro líquido para 1,1 bilhão de baht (US$ 34,1 milhões) no primeiro semestre de 2021, na comparação anual. A receita avançou 31%, para 7,2 bilhões de baht no mesmo período. A administração daKCE Electronics espera que as vendas continuem crescendo no terceiro trimestre, com o mercado automotivo global provavelmente recuperando 12% neste ano ante 2020.

A pandemia aumentou a demanda por carros elétricos, em meio a apelos por uma maior adoção desses veículos em vários países europeus. Esse movimento levou as principais montadoras a anunciar planos para lançar mais modelos de zero emissão de poluentes nos próximos anos. A KCE Electronics já está entre os principais fornecedores de placas de circuito impresso (PCB e PCBA, nas siglas em inglês) para veículos eletrônicos.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

O DBS Group Research reafirmou recentemente uma classificação de “compra” para as ações da KCE Electronics com uma previsão de que o lucro líquido da companhia deste ano aumentará 106%. “Ainda gostamos da KCE por seu potencial de crescimento de longo prazo impulsionado pela adoção de tecnologia no segmento automotivo, diversificação de portfólio para produtos eletrônicos de consumo, gestão competente e forte perspectiva de crescimento no balanço financeiro.”

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Ongkosit fundou a KCE Electronics, anteriormente conhecida como Kuang Charoen Electronics, em 1982, com 12 milhões de baht (US$ 372 mil). Desde então, a empresa se tornou uma das principais fabricantes mundiais de placas de circuito impresso, amplamente utilizadas em automóveis, telecomunicações, equipamentos médicos, dispositivos inteligentes e muito mais. A maioria dos produtos da KCE Electronics é exportada para a Europa, seguida pelos Estados Undos e pela Ásia.

O bilionário tailandês estudou design gráfico, antes de se voltar para a indústria eletrônica. Seu filho, Pitharn, que não está na lista de bilionários, é formado em Cornell, nos Estados Unidos, e é CEO da KCE desde 2013.

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: