Forbes Radar: Apple, Gerdau, Amazon, Ser Educacional e outros destaques corporativos

Últimas notícias sobre: GM, Vale, Cencosud Brasil, Engie Brasil, Itaú.

Artur Nicoceli
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


No Forbes Radar de hoje (3), o Fleury realizou a aquisição do Laboratório Pretti e do Laboratório Bioclínico, enquanto a Ser Educacional informou compou a Starline Tecnologia, proprietária da Prova Fácil.

Ao mesmo tempo, a Cencosud Brasil e a BMRV Participações enviaram à CVM (Comissão de Valores Mobiliários) um pedido de IPO.

Veja estes e outros destaques corporativos do dia:

GM (GMCO34)

A GM (General Motors) disse ontem (02) que reduzirá a produção em muitas montadoras da América do Norte neste mês devido à contínua escassez de chips semicondutores, atingindo suas lucrativas picapes e veículos utilitários esportivos.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A maior montadora dos Estados Unidos interromperá a produção na próxima semana em sua fábrica de Fort Wayne, no Estado de Indiana, e em sua fábrica de Silao, no México, ambas produzindo picapes.

No total, a GM está cortando a produção em oito montadoras norte-americanas em setembro. Também como efeito da escassez, a empresa começou a recorrer a reparos e envio de veículos inacabados às concessionárias.

Vale (VALE3)

A mineradora Vale iniciou na véspera a operação de seus primeiros seis caminhões fora de estrada autônomos no importante Complexo de Carajás, no Pará, ampliando o uso da tecnologia já empenhada em Minas Gerais que dispensa a presença de operadores dentro das cabines, em busca de mais segurança, ganhos operacionais e ambientais.

Em Carajás, onde está o maior complexo produtor de minério de ferro da Vale, a expectativa é de ganho de produtividade com os gigantes caminhões autônomos, pela “operação mais eficiente e estável”, mas a companhia considera que projeções sobre um aumento de produção com o equipamento dependem de vários outros fatores.

Esses novos transportadores de minério de ferro – com quase o dobro da altura e mais que o triplo da largura de um veículo convencional – vão operar ao lado caminhões não-autônomos na região de Carajás, que conta atualmente com uma frota de cerca de 120 unidades.

Até o final de 2021, Carajás deverá ganhar outros quatro caminhões autônomos, somando um total de dez, todos na área no entorno da mina N4E – mais antiga da Vale na região.

Apple (AAPL34)

A Apple afrouxou ainda mais as regras da App Store na quarta-feira, permitindo que algumas empresas de conteúdo como a Netflix forneçam links para seus sites para que os clientes possam se inscrever para contas pagas.

A concessão foi parte de um acordo com o regulador antitruste do Japão, que disse que a mudança foi suficiente para encerrar uma investigação de cinco anos sobre a Apple que se concentrava em aplicativos de vídeo e música, mas não considerava games.

A gigante de tecnologia dos Estados Unidos, no entanto, ainda deve enfrentar uma série de outros desafios legais e regulatórios às regras que fabricantes de games são forçados a seguir.

A proibição de fornecer links separados foi suspensa para os chamados aplicativos de leitura, que fornecem conteúdo como e-books, vídeo e música que não oferecem um nível de serviço gratuito, exigindo pagamento no momento da inscrição.

A mudança deve entrar em vigor no início do próximo ano e será aplicada globalmente, disse a Apple, que manterá a palavra final sobre quais aplicativos se qualificam como aplicativos de leitura.

Algumas empresas disseram que a concessão não era suficiente.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Gerdau (GGBR4)

Executivos da Gerdau sinalizaram nesta quinta-feira que poderão antecipar o pagamento de dividendos a acionistas referentes a 2021, após a Câmara dos Deputados aprovar a reforma do Imposto de Renda, estabelecendo tributação de dividendos e acabando com o mecanismo de JCP (Juros sobre Capital Próprio).

“Podemos antecipar dividendos deste ano inicialmente previstos para serem pagos em março”, disse o diretor de relações com investidores da Gerdau, Harley Scardoelli.

Mas o executivo afirmou que o índice de distribuição de dividendos deve seguir em cerca de 30%, por enquanto, ao ser perguntado se considerava elevar esse montante, dada a alta geração de caixa recente.

Scardoelli frisou a meta de redução da dívida bruta, de R$ 16 bilhões para R$ 12 bilhões e mencionou a possibilidade de abrir um programa de recompra de ações.

Em reunião anual com investidores, feita de forma virtual, membros da administração também disseram que a siderúrgica está preparada para “o pior cenário” de uma crise energética no país.

Amazon (AMZO34)

A Amazon será mais ativa na remoção de conteúdos que violem suas políticas de serviço em nuvem, como as de evitar promoção de violência, segundo duas fontes a par do assunto.

A medida vai renovar o debate sobre quanto poder as empresas de tecnologia têm para restringir a liberdade de expressão.

Nos próximos meses, a Amazon contratará um grupo de pessoas na divisão Amazon Web Services para desenvolver o projeto e trabalhar com pesquisadores externos para monitorar ameaças futuras, disse uma das fontes.

Isso pode transformar a Amazon, a provedora líder mundial de serviços em nuvem, com 40% de participação no mercado de acordo com a empresa de pesquisas Gartner, em uma das mais poderosas árbitras de conteúdo permitido na internet, dizem especialistas.

A Amazon ganhou as manchetes do Washington Post na semana passada por fechar um site hospedado no AWS que apresentava propaganda do Estado Islâmico que celebrava o atentado suicida que matou cerca de 170 afegãos e 13 soldados norte-americanos em Cabul na última quinta-feira. A ação ocorreu depois que o Washington Post entrou em contato com a Amazon, disse o jornal.

Cencosud Brasil

O grupo varejista chileno Cencosud vai listar sua unidade brasileira na B3 com uma oferta inicial de ações (IPO).

Segundo o prospecto preliminar da operação na Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a operação a ser coordenada por Itaú BBA, Bank of America, JPMorgan, Bradesco BBI e Santander servirá para a empresa levantar recursos para aquisições, abrir novas lojas e reformar existentes, além de investir em e-commerce.

O grupo, que se apresenta como o quarto maior varejista alimentar no Brasil em vendas, a Cencosud no Brasil opera 304 lojas por meio das bandeiras de supermercados GBarbosa, Prezunic, Bretas e Perini, espalhadas pela região Nordeste, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Goiás, além de 34 lojas de atacado.

No primeiro semestre, a companhia no Brasil teve receita líquida de 4 bilhões de reais, estável ante mesma etapa de 2020, com o resultado operacional medido pelo Ebitda subindo 3,3%, a 275,7 milhões de reais, e a margem avançando 0,2 ponto, a 6,9%.

Na bolsa paulista, a Cencosud Brasil terá como rivais GPA, Assaí, Carrefour Brasil e Grupo Matheus.

Engie Brasil (EGIE3)

A Engie Brasil, da francesa Engie, colocou em operação nesta quinta-feira as três últimas das 11 centrais eólicas de seu ativo Campo Largo II, de 361,2 MW de capacidade instalada total, após autorização da agência reguladora Aneel, segundo comunicado enviado ao mercado.

Campo Largo II fica no Município de Umburanas, a aproximadamente 420 km da de Salvador (BA), mesma região onde a companhia já opera comercialmente os Conjuntos Eólicos Campo Largo e Umburanas (686,7 MW de capacidade instalada).

Itaú (ITUB4), Via (VIIA3) e BRF (BRFS3)

A plataforma de pesquisas do Itaú que realizou 390 análises no primeiro semestre tem dois novos parceiros: Via e BRF.

BMRV Participações

A holding BMRV Participações protocolou um prospecto na CVM para realizar uma oferta de ações. A operação será por meio da instrução 400, sob coordenação do Itaú BBA, BTG Pactual e UBS BB.

Assaí (ASSAI3)

O Assaí vendeu dois imóveis (em São Paulo e em Rondônia) para o fundo de investimento imobiliário gerido pela TRX. A operação foi de R$ 134,6 milhões.

Hering (HGTX3) e Soma (SOMA3)

A Hering e o Soma divulgaram o cronograma de substituição de ações. A operação está marcada para 20 de setembro. Os acionistas que receberão o valor final da parcela em dinheiro e em ações do Soma devem estar registrados no pregão de 17 de setembro.

A partir do dia 20, as ações da Hering deixarão de ser negociadas.

Petz (PETZ3) e Rede D’Or (RDOR3)

A Petz e a Rede D’Or terão suas ações integradas a carteira do Índice Ibovespa, a partir de 6 de setembro.

Positivo (POSI3)

As ações da Positivo Tecnologia passarão a integrar o IBrX-100, Índice das 100 ações mais negociadas na B3.

Braskem (BRKM5)

A Braskem informou que a agência de classificação de risco S&P Global Ratings elevou o nível de risco em escala global da Companhia para BBB-, com perspectiva estável.

A agência destacou que a elevação do rating para grau de investimento reflete a melhora considerável dos indicadores de rentabilidade e de geração de caixa, o compromisso da Companhia com a alavancagem e a expectativa da agência de que a Braskem continue se beneficiando com os altos spreads petroquímicos nos próximos trimestres.

Fleury (FLRY3)

O Fleury informou que sua subsidiária integral Fleury Centro de Procedimentos Médicos Avançados realizou a aquisição do Laboratório Pretti. Enquanto a subsidiária Fleury CPMA adquiriu o Laboratório Bioclínico. A companhia não informou o valor das operações.

Ser Educacional (SEER3)

A Ser Educacional informou que a subsidiária 3L Tecnologias Educacionais e Soluções Digitais adquiriu a Starline Tecnologia, proprietária da Prova Fácil.

A Prova Fácil é uma EdTech líder em gestão de provas na América Latina, com mais de 100 milhões de avaliações realizadas nos últimos cinco anos.

Lavvi Empreendimentos (LAVV3)

A Lavvi Empreendimentos Imobiliários lançou o empreendimento Wonder Ipiranga, na região do Ipiranga, em São Paulo. Serão ofertadas 576 unidades, distribuídas entre residenciais de 75 m² a 127 m², e studios R e NRs com metragens de 28 m² a 36 m². O imóvel tem um VGV (valor geral de vendas) bruto de R$331 milhões.

Equatorial Energia (EQTL3)

A Equatorial Energia informou que o Consórcio Marco Zero, composto pela companhia – detentora de 80% do negócio – e a Sam Ambiental – dos outros 20%, ganhou a outorga para a prestação de serviços públicos de abastecimento de água e esgoto dos municípios do Estado do Amapá.

No âmbito do Leilão, o consórcio ofertou um percentual deságio em relação a tarifa de referência de 20,00% e um valor de outorga no montante de R$ 930 milhões.

(Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Compartilhe esta publicação: