Microsoft planeja recompra de ações de até US$ 60 bilhões e nomeia Brad Smith como vice-chair

REUTERS/Mike Segar
REUTERS/Mike Segar

Smith atualmente lidera uma equipe de mais de 1.500 funcionários em 54 países

A Microsoft anunciou ontem (14) que conduzirá um programa de recompra de ações de até US$ 60 bilhões e aumentará seus dividendos trimestrais em 11%, bem como indicou o presidente da empresa, Brad Smith, como vice-presidente do seu conselho de administração.

A companhia informou que o programa de recompra não tem data de expiração e pode ser encerrado a qualquer momento, e que pagaria um dividendo de US$ 0,62 por ação – US$ 0,06 acima do trimestre anterior.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

O gigante de tecnologia dos Estados Unidos também chamou a posição de vice-chair de um cargo executivo atualizado para Smith, que atualmente lidera uma equipe de mais de 1.500 funcionários em 54 países, de acordo com sua biografia no site da Microsoft.

Smith ingressou na Microsoft em 1993, vindo do escritório de advocacia Covington & Burling, para administrar operações de assuntos jurídicos e corporativos na Europa. Ele se tornou conselheiro geral em 2002 e, na década seguinte, lidou com a resolução de casos antitruste, segundo a biografia.

Smith continuará reportando ao presidente-executivo Satya Nadella, disse a Microsoft. (com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).