Bitcoin ultrapassa marca de US$ 66 mil e pode atingir novas máximas

Alta ocorre na esteira do lançamento do primeiro ETF (fundo negociado em bolsa) de futuros de bitcoin dos EUA.

Billy Bambrough
Compartilhe esta publicação:
Westend61/Getty Images
Westend61/Getty Images

Lançamento do fundo empurrou o mercado de criptomoedas para mais de US$ 2,5 trilhões, ultrapassando seu recorde histórico

Acessibilidade


O bitcoin, após voltar às máximas históricas de cerca de US$ 65 mil no mês passado, chegou a US$ 66.760 hoje (20). O ativo está decolando depois do lançamento do primeiro ETF (fundo negociado em bolsa) de futuros de bitcoin dos EUA.

O preço do bitcoin avançou cerca de 35% desde meados de setembro, à medida que cresciam os ânimos em torno do tão esperado ETF. Enquanto isso, o ethereum, a segunda maior criptomoeda depois do bitcoin, está novamente fechando aos tão desejados US$ 4 mil.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Agora, com o auge da empolgação com o ETF de futuros de bitcoin do ProShares, analistas de criptomoedas da Fundstrat Global Advisors prevêem que o preço do bitcoin poderá chegar a US$ 168 mil até o final de 2021 se a demanda atender às expectativas.

“O [novo ETF de bitcoin] permitirá que muito mais indivíduos aloquem investimentos em criptomoedas”, escreveu o cofundador da Fundstrat Global Advisors, Tom Lee, segundo reportagem do Yahoo Finance. “Acreditamos que a demanda por bitcoins excederá as entradas de QQQ.” O ETF Invesco QQQ, lançado em 1999, acompanha as 100 maiores empresas tecnológicas da Nasdaq.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O ETF recém-listado teve um grande primeiro dia na Bolsa de Valores de Nova York ontem (19), com cerca de US$ 1 bilhão em volume de negociação intradiário, tornando-o um dos mais populares lançamentos de ETF de todos os tempos, de acordo com o ETF.com.

O lançamento do fundo empurrou o mercado de criptomoedas para mais de US$ 2,5 trilhões, ultrapassando seu recorde histórico. O ethereum, depois de superar o bitcoin durante os últimos 12 meses, agora está acompanhando o bitcoin a níveis mais altos, registrando um aumento de 11% nos últimos 30 dias.

Os observadores do mercado de criptomoedas esperam que o ETF aumente os volumes de negociação de bitcoins e torne mais fácil o fluxo de caixa para os ativos digitais. No entanto, alguns alertaram que o preço do bitcoin pode cair após o lançamento do ETF, à medida que os negociadores começam a realizar lucros.

“Apesar do crescimento ativo dos preços, nem todos os participantes do mercado de criptomoedas estão igualmente otimistas”, escreveu Alex Kuptsikevch, analista financeiro sênior da FxPro, em comentários por e-mail.

“Alguns acreditam que agora não estamos testemunhando o início de uma nova etapa de crescimento em larga escala, mas nos aproximando de uma correção. Isso porque atingir um novo máximo histórico (ou uma série de máximos históricos) pode provocar o início de uma agressiva realização de lucros por grandes investidores que abriram posições durante a recuperação dos US$ 30 mil.”

“Há algumas opiniões de que a alta no [preço do bitcoin] já está descontando essa aprovação”, acrescentou Lee, da Fundstrat.

“Até certo ponto, isso provavelmente é verdade, já que o bitcoin atingiu níveis quase históricos nas últimas semanas. Mas, em nossa opinião, o preço do bitcoin continuará subindo, bem após a aprovação efetiva do ETF.”

Compartilhe esta publicação: