No Dia do Professor, 10 analistas contam as lições que aprenderam com o mercado

Paciência, diversificação e ousadia para sair da zona de conforto são alguns dos ensinamentos citados

Isabella Velleda, Mariangela Castro e Diana Lott
Compartilhe esta publicação:
Kiyoshi Hijiki/Getty Images
Kiyoshi Hijiki/Getty Images

Mudanças que ocorreram no mercado desde o começo da pandemia inspiram as falas de alguns analistas

Acessibilidade


O mercado financeiro é uma fonte abundante de ensinamentos, e mesmo fora do mundo dos investimentos, algumas dessas lições ainda mantêm o seu valor. Por isso, para celebrar o Dia do Professor, a Forbes recorreu a analistas de algumas das maiores corretoras de investimentos no Brasil para descobrir quais foram as principais lições que eles aprenderam durante o seu tempo de casa, que, em alguns casos, abrange décadas.

A paciência é uma dos ensinamentos mais mencionados. Como explica Davi Lelis, sócio da Valor Investimentos, um bom controle emocional pode render resultados surpreendentes: “A paciência e a calma são virtudes que geralmente trazem um maior retorno do que o conhecimento técnico dos investimentos. Quando você tem pouca informação sobre a classe de ativo e a forma de aplicação, a constância de aportes, a aderência à estratégia que você estipulou lá no começo, e uso da racionalidade no lugar da emoção têm um grande impacto no resultado final.”

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A diversificação, uma das premissas básicas dos investimentos feitos com segurança, é outra lição valiosa: “Tem alguns jargões, como o ‘não colocar todos os ovos na mesma cesta’, que são básicos. Diversificação de produto é muito importante do ponto de vista de volatilidade. Você pode ter menos estresse no dia a dia quando um ativo vai mal, mas outro compensa”, diz Sylvio Fleury, diretor de relações com o mercado da Ativa Investimentos.

Aprender pressupõe muitos erros, e no mercado financeiro, isso não é diferente. Por isso, tomar riscos controlados e sair da zona de conforto fazem parte da evolução de qualquer investidor: “A um investidor brasileiro, por exemplo, investir no Brasil, no lugar que supostamente ele conhece, seria o mais confortável possível, mas o país dá provas de que até o passado é incerto. Por isso, é preciso estar atento a oportunidades no exterior, além da zona de conforto de cada investidor, buscar oportunidades e coisas melhores fora do que é o óbvio para cada um”, conclui Caio Braz, sócio da Urca Capital Partners.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Confira a seguir o conjunto de ensinamentos citados por 10 analistas de mercado entrevistados pela Forbes:

  • Arquivo Pessoal

    1 – Juliana Pedroza – Habitat Capital Partners

    Cargo: Head de Relações com Investidores

    “O mercado me ensinou que o conhecimento aplicado é o que vai te levar mais longe. Estude, entenda e pratique o que aprendeu.”

  • Divulgação

    2 – Sylvio Fleury – Ativa Investimentos

    Cargo: Diretor de relações com o mercado

    “Essa instituição que se criou chamada “Mercado Financeiro” não aceita desaforo. É bom não se achar o dono da verdade!”

  • Divulgação

    3 – Marcos Baroni – Suno Research

    Cargo: Analista-chefe (CNPI) de fundos imobiliários

    “Estabeleça uma relação de confiança com quem cuida do seu dinheiro.”

  • Divulgação

    4 – Patrícia Cezar – Zahl Investimentos

    Cargo: Especialista e CEO

    “Não confunda volatilidade com erro na estratégia de longo prazo.”

  • Divulgação

    5 – Davi Lelis – Valor Investimentos

    Cargo: Especialista e sócio

    “Eu não tento acertar se vai fazer sol ou se vai chover. Eu prefiro sair de casa com chapéu e com guarda-chuva.”

  • Divulgação

    6 – Caio Braz – Urca Capital Partners

    Cargo: Sócio

    “É preciso ser muito paciente, pois nada vem rápido. Resultado de curto prazo normalmente vem junto com prejuízos ainda maiores de curto prazo.”

  • Divulgação

    7 – Rodrigo Moliterno – Veedha Investimentos

    Cargo: Head de Renda Variável

    “O mercado é muito maior que você, não ache que pode alterar o rumo das ações.”

  • Divulgação

    8 – Filipe Caldas – Carbyne Investimentos

    Cargo: Sócio

    “É preciso ter calma e evitar que o lado emocional influencie a nossa tomada de decisão. O ideal é fundamentar nossas escolhas utilizando dados.”

  • Divulgação

    9 – Rafael Panonko – Toro Investimentos

    Cargo: Analista-chefe

    “É preciso olhar para os investimentos como uma forma de acumular patrimônio.”

  • Arquivo Pessoal

    10 – Eduardo Akira – Acqua-Vero Investimentos

    Cargo: Sócio cofundador

    “O mercado requer sempre muito sangue frio, um pensamento de longo prazo, e que você não tome nenhuma atitude no calor do momento.”

Arquivo Pessoal

1 – Juliana Pedroza – Habitat Capital Partners

Cargo: Head de Relações com Investidores

“O mercado me ensinou que o conhecimento aplicado é o que vai te levar mais longe. Estude, entenda e pratique o que aprendeu.”

Compartilhe esta publicação: