Norte-americana Udemy mira avaliação de quase US$ 4 bilhões em IPO

A empresa está procurando levantar até US$ 420,5 milhões no limite superior de sua faixa de preço de US$ 27 a US$ 29 por ação.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

A empresa está procurando levantar até US$ 420,5 milhões no limite superior de sua faixa de preço de US$ 27 a US$ 29 por ação

Acessibilidade


A Udemy, que cresceu rápido nos últimos 18 meses com o aumento da demanda por aprendizado online durante a pandemia, definiu hoje (20) os termos de seu IPO (oferta inicial de ações), visando uma avaliação de até US$ 4 bilhões.

A empresa é a mais recente em uma série de empresas de educação online que buscam recursos no mercado, após a Coursera e a Nerdy terem se listado neste ano.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A Udemy, sediada em San Francisco, está procurando levantar até US$ 420,5 milhões no limite superior de sua faixa de preço de US$ 27 a US$ 29 por ação, de acordo com um documento.

A empresa, que oferece mais de 183.000 cursos em 75 idiomas em mais de 180 países, no início deste ano lançou uma assinatura direta ao consumidor que ainda está em modo de teste beta.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Morgan Stanley e JPMorgan são os coordenadores da oferta. A Udemy planeja listar na Nasdaq sob o ticker “UDMY”. (com Reuters)

Compartilhe esta publicação: