Câmara dos EUA aprova projeto de US$ 1,75 trilhões para gastos sociais

A Câmara aprovou a medida por 220 a 213 votos.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Tom Brenner/Reuters
Tom Brenner/Reuters

A Câmara aprovou a medida por 220 a 213 votos

Acessibilidade


O projeto de lei de 1,75 trilhão de dólares do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, para ampliar a rede de segurança social e combater a mudança climática foi aprovado pela Câmara dos Deputados nesta sexta-feira (19) e será enviado ao Senado.

A Câmara aprovou a medida por 220 a 213 votos. O endosso havia sido adiado devido a um discurso durante a noite do principal republicano que se opõe à medida.

Não está claro qual será o destino do texto no Senado, em que os democratas Joe Manchin e Kyrsten Sinema levantaram preocupações sobre seu tamanho e alguns de seus programas.

O projeto foi substancialmente reduzido em relação ao plano inicial dos democratas de 3,5 trilhões de dólares, mas ainda busca investir milhões para expandir a educação, reduzir os custos de saúde e lidar com a mudança climática.

A votação aconteceu depois que o líder da minoria na Câmara, o republicano Kevin McCarthy, falou por um recorde de oito horas e meia no fim da quinta-feira, em declarações que catalogaram uma lista de queixas republicanas –algumas relacionadas ao projeto e outras, não, elevando a voz algumas vezes com democratas na Câmara que estavam abertamente indiferentes.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Compartilhe esta publicação: