Mais de 25% das ações da Telecom Italia com direito a voto trocaram de mão desde oferta da KKR

No Brasil, grupo italiano controla a operadora Tim.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Yara Nardi/Reuters
Yara Nardi/Reuters

No Brasil, a empresa Telecom Italia controla a operadora Tim

Acessibilidade


Mais de um quarto das ações da Telecom Italia com direito a voto trocaram de dono desde que a empresa norte-americana de investimentos KKR fez no fim de semana passado oferta de US$ 12 bilhões pelo grupo italiano de telecomunicações.

Até 12h30 (horário de Brasília), dados da Refinitiv mostravam que um total de quase 4 bilhões de ações ordinárias da Telecom Italia mudaram de mão nas últimas três sessões.

LEIA TAMBÉM: Elon Musk reclama com presidente de bolsa de criptomoedas Binance

Segundo cálculos da Reuters e dados do regulador do mercado italiano, Consob, o volume representa 25,6% das ações com direito a voto da Telecom Italia, que no Brasil controla a TIM.

A oferta da KKR, que enfrenta oposição do principal acionista da Telecom Italia, o grupo francês Vivendi, precisa de aprovações do conselho de administração da companhia e dos acionistas em assembleia. (Com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Compartilhe esta publicação: