Venda de cimento cai 10% em outubro sobre um ano antes

No acumulado do ano, vendas somam 54,2 milhões de toneladas.

Redação
Compartilhe esta publicação:
Washington Alves/Reuters
Washington Alves/Reuters

No acumulado do ano, vendas de cimento somam 54,2 milhões de toneladas

Acessibilidade


A indústria do cimento amargou queda de 9,8% nas vendas em outubro no país sobre o mesmo período do ano passado, para 5,34 milhões de toneladas, informou a entidade que representa os fabricantes, Snic, hoje (8).

Na comparação com setembro, as vendas recuaram cerca de 6%. Em outubro, todas as regiões do país apuraram queda nas vendas sobre o mesmo mês do ano passado, com destaque para a região Sudeste, onde a baixa foi de 11,6%, para 2,356 milhões de toneladas.

LEIA TAMBÉM: Produção e venda de veículos têm alta em outubro ante setembro, aponta Anfavea

“A performance da indústria vem demonstrando uma trajetória descendente desde abril”, afirmou a entidade em comunicado à imprensa. “Ao se analisar a venda de cimento por dia útil, 237,3 mil toneladas em outubro, a queda é de 4,2% comparada com o mês anterior – demonstrando, mais uma vez, que o período de maior crescimento no ano ficou para trás”, acrescentou a entidade.

No acumulado do ano, as vendas de cimento no país somam 54,2 milhões de toneladas, crescimento de 7,2% sobre o mesmo período de 2020. (Com Reuters)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Compartilhe esta publicação: