Banco BV eleva projeção da Selic para 11,75% após reajuste do Copom

O Banco Central elevou a taxa Selic em 1,50 ponto percentual na noite desta quarta-feira (08), a meta de inflação para 2022 é de 3,50%.

Da Reuters
Compartilhe esta publicação:
Adriano Machado/Reuters
Adriano Machado/Reuters

O Banco Central elevou a taxa Selic em 1,50 ponto percentual na noite desta quarta-feira (08), a meta de inflação para 2022 é de 3,50%

Acessibilidade


O banco BV elevou a 11,75% a projeção para a taxa Selic ao fim do atual ciclo de alta de juros, de 11% no cenário anterior, após o Banco Central surpreender ao adotar linguagem mais dura contra o aumento dos preços.

“Diante da sinalização do BC, 11,75% parece suficiente para manter a inflação abaixo do teto da meta em 2022 e trazer a inflação para a meta em 2023”, disse Carlos Lopes, economista do banco BV.

O Banco Central elevou a taxa Selic em 1,50 ponto percentual na noite desta quarta-feira (08), indicou nova alta da mesma magnitude para fevereiro e destacou em comunicado a importância de o ciclo de aperto avançar “significativamente” em território contracionista para consolidar o processo de desinflação e de ancoragem das expectativas em torno das metas.

“A gente não esperava esse endurecimento de discurso, mas foi importante neste momento, porque embora haja riscos à atividade econômica o quadro inflacionário não dá alívio e as expectativas precisam desse discurso para serem ancoradas”, disse o economista do BV, que prevê inflação ao consumidor de 4,20% em 2022.

A meta de inflação para 2022 é de 3,50%, com banda de tolerância entre 2,00% e 5,00%.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O IBGE divulga na sexta-feira (10) o IPCA –índice referência para o regime de metas de inflação– de novembro. O IPCA-15, considerado uma prévia, teve em novembro a maior alta para o mês em quase duas décadas.

Compartilhe esta publicação: