Financial Times elege Elon Musk a "personalidade do ano"

A editora Roula Khalaf deu crédito a Musk por demonstrar que os modelos elétricos podem substituir os carros movidos a gasolina.

Da Reuters
Compartilhe esta publicação:
Aly Song/Reuters
Aly Song/Reuters

Elon Musk, dono da Tesla, em Xangai

Acessibilidade


O jornal Financial Times seguiu os passos da revista Time e elegeu Elon Musk, dono da Tesla, a “personalidade do ano”, elogiando-o pelo trabalho realizado na transformação da indústria de automóveis elétricos.

A Tesla, que é líder global de veículos elétricos, tem pressionado muitos consumidores jovens e antigos fabricantes de automóveis a mudar o foco para carros elétricos.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Em uma coluna, a editora do Financial Times, Roula Khalaf, deu crédito a Musk por demonstrar que os modelos elétricos podem substituir os carros movidos a gasolina e o chamou de revolucionário no setor.

“Por muito tempo, o resto da indústria automobilística estava basicamente chamando a Tesla e eu de tolos e fraudadores”, disse Musk ao jornal em uma entrevista.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“Eles estavam dizendo que carros elétricos não funcionariam, que você não pode atingir o alcance e desempenho. E mesmo se fizesse isso, ninguém os compraria.”

Musk é a pessoa mais rica do mundo e sua empresa Tesla vale cerca de US$ 1 trilhão, o que a torna mais valiosa do que as montadoras Ford Motor e General Motors juntas.

Nas últimas semanas, Musk vendeu quase US$ 13 bilhões em ações da Tesla.

Compartilhe esta publicação: