MRV fecha acordo com Brookfield para venda de empreendimentos da Luggo

A Luggo é uma startup do grupo focada na locação de imóveis construídos exclusivamente para essa finalidade.

Da Reuters
Compartilhe esta publicação:
Reuters
Reuters

O acordo com a Brookfield envolve aproximadamente 5.100 unidades (Crédito: Divulgação)

Acessibilidade


A MRV assinou acordo de investimentos com um veículo da canadense Brookfield Asset Management para a venda de empreendimentos de sua unidade Luggo que totalizam 1,26 bilhão de reais em valor geral de venda (VGV), informou a empresa em fato relevante ao mercado nesta quinta-feira.

A Luggo é uma startup do grupo MRV focada na locação de imóveis construídos exclusivamente para essa finalidade.

O acordo com a Brookfield envolve aproximadamente 5.100 unidades. A operação foi dividida em três fases, separadas de acordo com a maturidade dos empreendimentos, incluindo a expedição ou não de alvará e se o valor alvo do aluguel já está definido.

A MRV diz que o negócio é “uma importante parceria estratégica entre as partes”, que cria “mais uma sólida avenida de diversificação de ‘funding’ para a venda de produtos”.

A construtora diz que já fechou na véspera as primeiras vendas, relativas à fase 1 do acordo, do Luggo Cabrale e do Luggo Piqueri, em Contagem (MG) e São Paulo (SP), respectivamente. Os empreendimentos totalizam VGV de 106 milhões de reais, o que representa um recebimento líquido de 56 milhões de reais e lucro bruto de 30 milhões de reais.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“Após cada venda, a Luggo permanecerá na condição de administradora das propriedades”, disse a MRV.

Compartilhe esta publicação: