Oracle compra empresa de prontuários digitais por US$ 28 bi para reforçar presença em saúde

Os acionistas da Cerner receberão US$95 por cada ação, o que representa um prêmio de 5,8% sobre o preço de fechamento dos papéis da empresa.

Da Reuters
Compartilhe esta publicação:
NurPhoto/Colaborador/Getty Images
NurPhoto/Colaborador/Getty Images

Os acionistas da Cerner receberão US$95 por cada ação, o que representa um prêmio de 5,8% sobre o preço de fechamento dos papéis da empresa

Acessibilidade


A fabricante de software empresarial Oracle disse nesta segunda-feira (20) que comprará a empresa de registros médicos eletrônicos Cerner por 28,3 bilhões de dólares, em uma tentativa de fortalecer sua presença no setor de saúde.

Os acionistas da Cerner receberão 95 dólares em dinheiro para cada ação que possuem, o que representa um prêmio de 5,8% sobre o preço de fechamento dos papéis da empresa na sexta-feira (17).

O negócio, que será o maior da Oracle após a aquisição da PeopleSoft em 2004, ajudará a empresa a reforçar os serviços que oferece aos clientes de saúde, incluindo seguradoras.

A Cerner, a maior vendedora de software para registro eletrônico de dados de saúde nos Estados Unidos depois da Epic Systems, dará à Oracle acesso a dados que podem ser usados para treinar e melhorar serviços em nuvem baseados em inteligência artificial.

Desde o início da pandemia, a demanda por soluções em nuvem no setor de saúde acelerou, incluindo serviços de telessaúde e automação de registros para o setor.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O negócio está deve ser fechado em 2022, disse a Oracle.

Compartilhe esta publicação: