Petrobras vende participação no Polo Carmópolis para Carmo Energy por US$ 1,1 bilhão

Fazem parte do ativo o Polo Atalaia e o oleoduto Bonsucesso-Atalaia, que escoa a produção de óleo de Carmópolis até o Tecarmo..

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Paulo Whitaker/Reuters
Paulo Whitaker/Reuters

O Polo Carmópolis compreende 11 concessões de produção terrestres

Acessibilidade


A Petrobras assinou nesta quinta-feira (23) a venda da totalidade de sua participação dos campos terrestres do Polo Carmópolis para a Carmo Energy, em uma operação que soma US$ 1,1 bilhão, disse a petroleira em fato relevante.

Segundo a companhia, o valor do negócio está dividido em um sinal de US$ 275 milhões, outros US$ 550 milhões no fechamento da operação, e mais US$ 275 milhões após 12 meses da conclusão.

Esses valores não consideram ajustes devidos até o fechamento da transação, que está sujeito ao cumprimento de condições precedentes, como a aprovação pelo órgão antitruste Cade e reguladora ANP, apontou a estatal.

SAIBA MAIS: Mercado de opções: o que é e como investir?

O Polo Carmópolis compreende 11 concessões de produção terrestres, localizadas no Estado de Sergipe. Inclui ainda acesso à infraestrutura de processamento, escoamento, armazenamento e transporte de petróleo e gás natural.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Também fazem parte do ativo o Polo Atalaia –que contém o Terminal Aquaviário de Aracaju (Tecarmo)— e o oleoduto Bonsucesso-Atalaia, que escoa a produção de óleo de Carmópolis até o Tecarmo.

Ainda no comunicado, a estatal destacou que a venda está alinhada à sua estratégia de gestão de portfólio e de melhoria de alocação de capital. (Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: