Usiminas e Banrisul anunciam pagamento de JCP; veja os destaques corporativos no Forbes Radar

Últimas notícias sobre: Fleury, JBS, Simpar, Movida, JSL, B3 e Positivo.

Vitória Fernandes
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


No Forbes Radar de hoje (13), a Usiminas e o Banrisul aprovam novos pagamentos de juros sobre capital próprio para seus acionistas.

A B3 divulga novas previsões de gastos para 2022, enquanto a Ser Educacional e a Méliuz anunciam novas aquisições.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Veja estes e outros destaques corporativos do dia:

Usiminas (USIM5)

A Usiminas aprovou, na noite de sexta-feira (10), a distribuição de juros sobre capital próprio aos seus acionistas. De acordo com o documento enviado ao mercado, o valor líquido a ser distribuído é de R$ 191,4 milhões, que correspondem a R$ 0,149100626 por ação ordinária e de R$ 0,164010688 a cada ação preferencial.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O pagamento será realizado no dia 30 de dezembro de 2021, para os acionistas que tinham posição na empresa em 15 de dezembro do mesmo ano. A partir do dia 16,, os papéis da companhia serão negociados como ex-proventos.

Banrisul (BRSR6)

O Banrisul aprovou a emissão de R$ 70 milhões em juros sobre capital próprio. O pagamento ocorrerá em 28 de dezembro de 2021 pelo valor líquido de R$ 0,14544732 por ação ordinária, R$ 0,15692516 por ação preferêncial A e R$ 0,14544732 por ação preferêncial B.

Serão beneficiados os acionistas que estiverem inscritos nos registros em 15 de dezembro de 2021.

JBS (JBSS3)

A JBS adquiriu 100% do Grupo King´s, por meio de sua subsidiária Rigamonti. De acordo com o comunicado enviado ao mercado, a empresa agora avança em marcas premium de charcutaria italiana, com um investimento de US$ 92,5 milhões.
Com a aquisição, a produtora de carnes assume as quatro fábricas do Grupo King’s na Itália, sendo duas na província de Parma, uma em Vicenza e a quarta em Udine, além de toda a operação nos Estados Unidos, que inclui uma planta dedicada a fatiamento de peças em Nova Jersey.

Ser Educacional (SEER3)

A Ser Educacional adquiriu 100% do capital social do Plantão Veterinário Hospital e do Pet Shop Kero Kolo, por meio de sua subsidiária Clínica Escola de Saúde Uninassau.

A transação custará R$ 10 milhões no total para a empresa.

Méliuz (MELI3)

A Méliuz anunciou, por meio de comunicado ao mercado, a aquisição da empresa Muambator por R$ 3 milhões, onde 15% serão pagos em dinheiro à vista e 85% em ações com período de lock up de até 5 anos.

A empresa adquirida consolida rastreamento online de pacotes e encomendas nacionais e internacionais.

Fleury (FLRY3)

O Fleury informou, na manhã de hoje, que iniciou as tratativas com a Sociedade Beneficente Israelita Brasileira Hospital Albert Einstein (Einstein), para a criação de um novo produto em sociedade, Gênesis. De acordo com o documento, o serviço busca atender diretamente ao consumidor interessado em realizar a gestão preventiva de sua saúde a partir de testes genômicos.

Assim, a rede de laboratórios terá participação majoritária e controle da Gênesis, e sua criação reforça a estratégia de aceleração de crescimento, unindo duas instituições médicas e criando um ambiente intenso de produção científica e de geração de conhecimento, afirmou a empresa.

Simpar (SIMH3)

A rede de concessionárias Original Holding, controlada da Simpar, adquiriu 100% das quotas de emissão da Sagamar Serviços, que concentra as operações do Grupo Saga Saga no estado do Maranhão.

De acordo com a Simpar, a aquisição amplia o mix de marcas oferecidas pela Original no segmento de comercialização de veículos leves, novos e seminovos, podendo adicionar R$ 707 milhões ao faturamento da rede.

JSL (JSLG3)

A JSL informou, em comunicado ao mercado, que incorporou duas de suas controladas, a Fadel Holding e a Moreno Holding.

De acordo com a empresa, as novas incorporações fazem parte do movimento de reorganização societária da companhia.

Movida (MOVI3)

A Movida também realizou duas incorporações em seu portfólio de companhias, contando agora com a Movida Locação de Veículos Premium e a Vox Frotas Locadora.

A previsão também é de novos movimentos de reorganização societária dentro da companhia.

B3 (B3SA3)

A B3 divulgou, em comunicado ao mercado, suas projeções de crescimento para 2022. A expectativa da companhia é de desembolsar -entre despesas e investimentos gerais- o montante de até R$ 2,3 bilhões.

Positivo (POSI3)

A Positivo aprovou a criação de um novo programa de recompra de ações de sua própria emissão. De acordo com a empresa, o objetivo é de manutenção das ações para permanência em tesouraria e posterior alienação e/ou cancelamento.

Assim, a companhia irá recomprar até 4 mil ações ordinárias, que representam 5,26% do total de ações emitidas pela Companhia que estão em circulação. As aquisições poderão ser feitas no prazo de até 18 meses.

Compartilhe esta publicação: