Wall Street abre em alta com redução dos temores sobre nova variante

As ações de tecnologia demonstram recuperação após queda de ontem, com a Intel (INTC) subindo 5,35%.

Isabella Velleda
Compartilhe esta publicação:

Matteo Colombo/Reuters

Acessibilidade


As bolsas de Nova York abriram hoje (7) em alta enquanto as preocupações com a nova variante da Covid-19 diminuem e os preços das commodities avançam. Segundo Anthony Fauci, principal referência em doenças infecciosas dos Estados Unidos, os casos da Ômicron não têm sido graves, apesar de relatos de maior transmissibilidade.

“O petróleo sobe cerca de 2,5%. O mercado está vendo um risco menor de paralisação, […] o que se traduz em uma necessidade de commodities. [Isso impulsiona] tanto o preço do petróleo quanto o do minério de ferro, que sobe por volta de 8%”, diz Pietra Guerra, especialista de ações da Clear Investimentos.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Às 12h07 de Brasília, o Dow Jones sobe 1,30% a 35.686 pontos; o S&P 500 ganha 1,83% a 4.675 pontos; e o Nasdaq registra alta de 2,58% a 15.616 pontos.

As ações de tecnologia demonstram recuperação após queda de ontem, com a Intel (INTC) subindo 5,35% depois de divulgar planos de abertura de capital de sua unidade de automóveis autônomos. Todos os setores do S&P 500 registram ganhos, com o tecnológico na dianteira, a 2,52%.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O dólar opera em queda de 0,77%, negociado a R$ 5,6465, acompanhando a melhora no apetite por risco internacional. No cenário doméstico, as atenções estão voltadas para a reunião de política monetária do Banco Central, que deve elevar a taxa básica de juros do país. (Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: