Ibovespa pega carona em Wall Street e fecha em alta

A Rússia deve enviar uma delegação à capital bielorrussa Minsk para iniciar um diálogo com a Ucrânia.

Isabella Velleda
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


O Ibovespa fechou hoje (25) em alta de 1,39%, a 113.141 pontos. O índice acompanhou a melhora dos ânimos no cenário internacional, com a percepção de que a Rússia se mostrou mais aberta a negociações diplomáticas.

O presidente ucraniano, Volodomyr Zelensky, apontou hoje para a possibilidade de seu país assumir uma posição “neutra” em relação à Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte). Um porta-voz do Kremlin então disse que a Rússia está pronta para enviar uma delegação à capital bielorrussa Minsk para iniciar o diálogo com a Ucrânia.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

“A melhora do apetite ao risco no cenário internacional foi refletida apenas parcialmente por aqui”, afirma Alexsandro Nishimura, economista e sócio da BRA. “O Ibovespa iniciou o dia em baixa, mas passou a subir no início da tarde, encerrando o dia com ligeiros ganhos, bem inferiores ao que foi registrado pelos pares europeus e norte-americanos.”

A Vale (VALE3) esteve entre os principais ganhos da sessão, fechando a 5,41%. Os papéis refletiram o ânimo com os resultados financeiros da empresa, que vieram acima do esperado no quarto trimestre de 2021. Outras companhias de commodities, como CSN (CSNA3) e 3R Petroleum (RRRP3), também ficaram acima dos 5%.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O Ibovespa permaneceu estável no acumulado da semana. Parte da cautela interna também teve relação com a chegada do feriado prolongado do Carnaval, que manterá a B3 fechada até as 13h da próxima quarta-feira (2).

Na sessão de hoje, investidores reagiram localmente à divulgação do IGP-M (Índice Geral de Preços-Mercado), que avançou mais do que o esperado em fevereiro, e da dívida bruta brasileira, que registrou superávit primário recorde de R$ 101,8 bilhões em janeiro.

Em Wall Street, as bolsas encerraram o dia no azul, impulsionadas pela melhora nas perspectivas do conflito entre Rússia e Ucrânia. “Verdade ou não, esse foi o nosso catalisador. Continuamos em um mercado instável e guiado pelas manchetes”, diz Dennis Dick, operador de mesa proprietária da Bright Trading LLC em Las Vegas.

O Dow Jones subiu 2,51%, a 34.058 pontos; o S&P 500 avançou 2,24%, a 4.384 pontos; e o Nasdaq ganhou 1,64%, a 13.694 pontos.

O dólar encerrou o dia em alta de 2,02%, negociado a R$ 5,1047 na venda, mas engatou o quarto mês seguido de perdas contra o real. Nas últimas sessões, a moeda foi beneficiada pelo tom de cautela nos mercados internacionais e pela busca de ativos considerados mais seguros. (Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: