Lucro da Usiminas supera projeção do mercado no 4º trimestre

Empresa registrou lucro líquido de R$ 2,49 bilhões, 30% a mais do que o mesmo período de 2020.

Reuters
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


A Usiminas divulgou hoje (11) crescimento de 30% no lucro líquido do quarto trimestre na comparação anual, a R$ 2,49 bilhões.

O resultado superou as expectativas de consenso do mercado de R$ 1,2 bilhão, impulsionado por correção de créditos tributários e menores perdas com câmbio.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

No acumulado do ano, o lucro líquido da Usiminas subiu a um recorde de R$ 10,1 bilhões, à medida que as vendas de aço atingiram o nível mais alto desde 2013, para 4,8 milhões de toneladas, e as vendas de minério de ferro avançaram a 9 milhões de toneladas, maior resultado para um ano.

A receita líquida do trimestre somou R$ 8,05 bilhões no período, contra projeção de R$ 8,49 bilhões, segundo dados da Refinitiv.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O dado representa uma alta de 47% no trimestre frente a um ano antes, mas queda de 11% em relação ao terceiro trimestre do ano passado, em meio a volumes sazonalmente menores para aço e minério de ferro.

Paralelamente, a empresa anunciou projeções para 2022, com estimativas de investimentos totais de R$ 2,05 bilhões para o ano e de despesas financeiras líquidas de R$ 150 milhões.

No operacional, a Usiminas espera que sua unidade de mineração venda de 8,5 milhões a 9 milhões de toneladas de minério de ferro em 2022. As vendas de aço foram estimadas entre 1,1 milhão e 1,2 milhão de toneladas para o primeiro trimestre.

Compartilhe esta publicação: