Autoridade do Fed diz que aumentos "oportunos" nos juros são necessários

O presidente do Fed de Chicago, Charles Evans, afirmou que o aumento de juros da semana passada foi o "primeiro do que parecem ser muitos" este ano.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Jonathan Ernst/Reuters
Jonathan Ernst/Reuters

As autoridades do Fed sinalizaram na semana passada que esperam aumentar a taxa básica de juros no equivalente a sete altas de 0,25 ponto percentual neste ano

Acessibilidade


O Federal Reserve, banco central dos Estados Unidos, precisa aumentar os juros neste ano e no próximo para controlar a inflação elevada antes que ela seja incorporada à psicologia nos norte-americanos e se torne ainda mais difícil de domar, disse hoje (24) o presidente do Fed de Chicago, Charles Evans.

“A política monetária deve mudar para remover os estímulos em tempo oportuno”, disse Evans em comentários preparados para a Câmara Regional de Detroit.

Ele observou que o aumento de juros do banco central dos EUA na semana passada foi o “primeiro do que parecem ser muitos” este ano.

As autoridades do Fed, como grupo, sinalizaram na semana passada que esperam aumentar a taxa básica de juros no equivalente a sete altas de 0,25 ponto percentual neste ano e mais três vezes no ano que vem.

Evans disse hoje (24) compartilhar dessa visão.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Leia mais: Fed tem que agir “rapidamente” e com mais agressividade se necessário, diz Powell

Compartilhe esta publicação: