Ações do Banco Inter sobem após empresa retomar processo de listagem nos EUA

O Inter anunciou na sexta-feira (15) a retomada do movimento com novos termos e condições.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Divulgação
Divulgação

Sob a nova proposta, as ações do Inter serão incorporadas pela Inter Holding Financeira

Acessibilidade


As ações do Banco Inter (BIDI11) chegaram a disparar quase 8% hoje (18), após a empresa anunciar a retomada do processo para transferência de base acionária para a Inter&Co, que o grupo pretende listar na bolsa norte-americana Nasdaq.

O Inter, que presta serviços financeiros como crédito, investimentos e seguros e tem operações de comércio eletrônico, interrompeu um processo similar em dezembro, após os pedidos de resgate por acionistas superarem o limite de R$ 2 bilhões. Na época, a companhia disse que continuaria buscando a reorganização societária.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

O Inter anunciou na sexta-feira (15) a retomada do movimento com novos termos e condições. O limite para opção de resgates é de R$ 1,1 bilhão, ou 10% das ações em circulação.

Sob a nova proposta, as ações do Inter serão incorporadas pela Inter Holding Financeira. Para cada seis ações ordinárias e/ou preferenciais do Inter, será entregue uma ação preferencial resgatável da Inter Holding. No caso das units, a relação é de dois papéis para uma ação preferencial resgatável.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

As ações preferenciais resgatáveis poderão ser trocadas por 38,70 reais em dinheiro, ou Brazilian Depositary Receipts (BDRs, na sigla inglês), que são recibos a serem negociados no Brasil lastreados em ações Classe A listadas nos EUA, disse o Inter.

Às 15h20, as units (ativo que reúne ações ordinárias e preferenciais) do Inter subiam 5,63%, para R$ 17,45, maior alta em percentual do Ibovespa, que caía 0,30%. O Inter tem entre os acionistas o japonês SoftBank.

A Guide Investimentos considerou positiva a retomada no processo, dizendo que a opção de resgate é vantajosa para os acionistas. Entretanto, eles disseram acreditar que a reestruturação atingirá novamente o limite máximo de resgate e pode não se concretizar.

Compartilhe esta publicação: