Bolsa fecha em alta puxada por ações da Petrobras

Dólar mantém movimento de valorização e encerra dia cotado a R$ 4,74.

Vitória Fernandes
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


O Ibovespa fechou hoje (7) em alta de 0,54%, a 118.862 pontos, com as ações da Petrobras (PETR3 e PETR4) trazendo novo ânimo ao índice, que teve um dia de altos e baixos. No cenário internacional, a Rússia rejeitou mais uma proposta de acordo com a Ucrânia.

Após duas semanas à procura de um nome para o cargo mais alto da Petrobras, o governo brasileiro recorreu ao tecnocrata José Mauro Coelho, que, na visão dos economistas, não está propenso a reduzir os lucros da estatal para manter os preços dos combustíveis baixos.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Os investidores se mostraram animados com a notícia, o que fez as ações da Petrobras subirem 5,01% e 5,10% neste pregão. Os papéis da Eletrobras (ELET3 e ELET6) também encerraram o pregão em alta de 3%, com as discussões sobre a privatização caminhando para uma conclusão.

Os rumores sobre a venda da parcela da Braskem (BRKM5) pertencente à Petrobras e à Novonor (ex-Odebrecht) animaram o mercado. Hoje, a gestora de investimentos americana Apollo Capital fez uma oferta não vinculante de R$ 44,57 por ação pela fatia, segundo o Valor. Os papéis fecharam em alta de 6,87%.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Do outro lado do índice, as ações da Hapvida (HAPV3), IRB (IRBR3) e Gerdau Metalúrgica (GOAU4) aparecem entre as maiores quedas do dia, com recuos de 3,05%, 2,95% e 2,34%, respectivamente.

Nos Estados Unidos, o presidente do Federal Reserve de St. Louis, James Bullard, disse que o banco central norte-americano está atrasado em sua luta contra a inflação e precisa aumentar a taxa de juros em mais 3 pontos percentuais até o fim do ano. Para isso, seria necessário realizar aumentos de 0,50 ponto percentual em cada uma das seis reuniões restantes deste ano.

Em Wall Street, os principais índices fecharam em queda. O Dow Jones subiu 0,24% a 34.578 pontos; o S&P 500 ganhou 0,43%, a 4.500 pontos; e o Nasdaq valorizou 0,06% a 13.897 pontos.

A expectativa de altas dos juros nos Estados Unidos voltou a favorecer o dólar nas negociações de hoje. A moeda subiu e encerrou o dia em alta de 0,54%, a R$ 4,7409. (Com Reuters).

Compartilhe esta publicação: