Distribuidoras de energia devem continuar sobrecontratadas até 2024-25, diz CCEE

Compartilhe esta publicação:

(Reuters) – As distribuidoras de energia elétrica deverão continuar com sobras contratuais em seu portfólio pelo menos até 2024 ou 2025, segundo avaliação da Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE).

Acessibilidade


A instituição prevê que a sobrecontratação das distribuidoras atingirá uma média de 107,7% em 2022, disse o presidente do conselho de administração da CCEE, Rui Altieri, em apresentação a jornalistas nesta quarta-feira.

Segundo ele, o mercado das distribuidoras tem apresentado crescimento fraco ou queda, o que faz com que as concessionárias tenham sobras contratuais e também reduz a contratação em leilões regulados de energia.

Pelos dados da CCEE, o consumo de energia elétrica no primeiro quadrimestre de 2022 teve crescimento tímido, de 1,3%, em relação a igual período do ano passado. Ante 2019, antes da pandemia, o avanço foi ainda menor, de 0,4%.

Altieri disse que, para este ano, não se prevê recuperação do consumo para as taxas históricas de crescimento de 3% a 3,5%.

(Por Letícia Fucuchima)

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Compartilhe esta publicação: