JBS (JBSS3) conclui compra de empresa e anuncia centro de inovação; veja os destaques do Radar

Últimas notícias sobre: Cosan, BB Seguridade, Assaí, Enauta, PetroRio, Méliuz, Neoenergia, Via e mais.

Isabella Velleda
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


No Forbes Radar de hoje (10), a JBS informou que concluiu a aquisição do controle societário da empresa espanhola BioTech Foods, e que escolheu a cidade de Florianópolis para sediar o JBS Biotech Innovation Center.

Já a Cosan comunicou que seu conselho de administração aprovou um novo plano de recompra de ações ordinárias de sua emissão, que permite a recompra de 110 milhões de ações.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Veja esses e outros destaques corporativos do dia:

JBS (JBSS3)

A JBS informou que concluiu, por meio de sua controlada JBS Global Luxembourg, a aquisição do controle societário da empresa espanhola BioTech Foods, uma das líderes globais no desenvolvimento de biotecnologia para a produção de proteína cultivada.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A empresa também anunciou que escolheu a cidade de Florianópolis para sediar o JBS Biotech Innovation Center, centro de pesquisa, desenvolvimento e inovação em biotecnologia de alimentos e de proteína cultivada no Brasil. O investimento para instalação do novo centro de PD&I é estimado em US$ 60 milhões.

Cosan (CSAN3)

A Cosan comunicou que seu conselho de administração aprovou um novo plano de recompra de ações ordinárias de sua emissão, que permite a recompra de 110 milhões de ações, representativas de aproximadamente 5,87% da quantidade total de ações da empresa e até 9,39% das ações em circulação.

BB Seguridade (BBSE3)

A BB Seguridade teve lucro líquido de R$ 1,18 bilhão no primeiro trimestre, crescimento de 20,7% sobre o desempenho de um ano antes, em parte apoiado pela alta da Selic.

O balanço foi puxado pela Brasilprev, que teve alta de 57,3% no resultado, a R$ 301,9 milhões. Já a Brasilseg viu evolução de 7,1%, para R$ 262,55 milhões, segundo o relatório divulgado pela empresa.

Assaí (ASAI3)

A rede Assaí teve lucro líquido de R$ 214 milhões no primeiro trimestre, uma queda de 10,8% sobre o mesmo período do ano passado, embora o resultado operacional do grupo de atacarejo tenha avançado no período.

Enauta (ENAT3)

A Enauta informou que a produção total da companhia no mês de abril atingiu 623,3 mil barris de óleo equivalente (boe), ou produção média diária de 20,8 mil boe.

PetroRio (PRIO3)

A PetroRio apresentou produção diária de 33,7 mil boe no mês de abril, baixa de 3,4% na comparação mensal.

Méliuz (CASH3)

A Méliuz divulgou prejuízo de R$ 6,54 milhões para o primeiro trimestre de 2022, revertendo resultado positivo de R$ 3 milhões obtido no mesmo período do ano passado.

Apesar de ter elevado a receita líquida em quase 74%, para R$ 90 milhões, as despesas operacionais saltaram de cerca de R$ 47 milhões para R$ 109 milhões no período, segundo o balanço da empresa.

Neoenergia (NEOE3)

A Neoenergia anunciou que o presidente da companhia, Mário José Ruiz-Tagle Larrain, apresentou renúncia e o atual diretor executivo de Controle Patrimonial e Planejamento, Eduardo Capelastegui Saiz, foi indicado para o cargo.

Larrain continuará em suas funções até o dia 15 de junho deste ano, quando assumirá um cargo no Grupo Iberdrola, e permanecerá como membro do conselho de administração da Neoenergia.

Via (VIIA3)

O grupo de varejo Via divulgou lucro líquido operacional de R$ 86 milhões para o período de janeiro a março, queda de 52% sobre o desempenho de um ano antes, quando o resultado havia sido ajudado por ganhos não recorrentes.

Mitre (MTRE3)

A Mitre registrou lucro líquido de R$ 8,1 milhões no primeiro trimestre de 2022, revertendo o prejuízo de R$ 11,6 milhões registrado no mesmo período do ano passado.

Blau Farmacêutica (BLAU3)

A Blau Farmacêutica registrou lucro líquido de de R$ 61 milhões no primeiro trimestre de 2022, queda de 29% na comparação anual. (Com Reuters)

Compartilhe esta publicação: