Novo Banco de Desenvolvimento dos Brics abre escritório regional na Índia

O NDB aprovou até agora 21 projetos indianos, envolvendo financiamento de R$ 34,8 bilhões

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Wu Hong/Reuters
Wu Hong/Reuters

Além do Brasil, o NDB tem como países-membros Rússia, Índia, China e África do Sul

Acessibilidade


O NDB (Novo Banco de Desenvolvimento), o banco do Brics, disse hoje que criará um escritório regional na Índia para financiar e monitorar projetos de infraestrutura naquele país e em Bangladesh

“O Escritório Regional indiano será fundamental para aumentar o envolvimento do NDB com mutuários e partes interessadas”, disse o presidente do NDB, Marcos Troyjo, em uma declaração.

O escritório regional será criado no Estado de Gujarat.

O NDB aprovou até agora 21 projetos indianos, envolvendo financiamento de R$ 34,8 bilhões.

Ontem, enquanto participava da sétima reunião anual do conselho do NDB por vídeo, o Ministro das Finanças indiano, Nirmala Sitharaman, disse que o banco se estabeleceu com sucesso como um parceiro confiável para as economias de mercados emergentes.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O banco de desenvolvimento multilateral, lançado por Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul em 2015, expandiu o número de membros no ano passado para incluir Bangladesh, Emirados Árabes Unidos, Egito e Uruguai.

O credor com sede em Xangai assinou mais de 80 projetos nos cinco países membros originais. O valor dos projetos excede R$ 147 bilhões e eles estão em setores que vão desde transporte, água e saneamento até energia limpa e infraestrutura digital e social.

 

Compartilhe esta publicação: