Totvs tem forte alta das receitas no 1º tri, mas despesas comprimem margem

Receita líquida da companhia alcançou R$ 981,1 milhões, um aumento de 36,2% contra um ano antes.

Reuters
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


A produtora de softwares de gestão e de serviços financeiros Totvs teve avanço modesto do lucro no primeiro trimestre, uma vez que o aumento robusto das receitas em suas principais linhas de negócios foi compensada em parte por maiores despesas com remuneração a empregados.

A companhia anunciou hoje (4) que sua receita líquida de janeiro a março alcançou R$ 981,1 milhões, um aumento de 36,2% contra um ano antes, com incremento de 25,5% em seu negócio principal de receita de gestão, enquanto a unidade de business performance cresceu 16 vezes e a de serviços financeiros cresceu 48,6%.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A Totvs frisou que teve o maior patamar trimestral de receita de licenças dos últimos nove anos e, mesmo elevando preços, não perdeu clientes.

Porém, as despesas comerciais subiram 42,7%, enquanto as gerais e administrativas evoluíram 38%, estas refletindo a aplicação de dissídio sobre salários.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Com isso, o resultado operacional da companhia medido pelo Ebitda (lucro antes de impostos, juros, amortização e depreciação) ajustado cresceu 17,5% ano a ano, para R$ 223,3 milhões, mas a margem Ebitda ajustada caiu 3,3 pontos percentuais, a 23,6%.

No mês passado, a Totvs anunciou um acordo por meio do qual terá como sócio na Totvs Techfin, seu negócio de serviços financeiros o Itaú Unibanco, do qual receberá R$ 860 milhões pela fatia.

Compartilhe esta publicação: