AliExpress vai ampliar pela 2ª vez os voos para transporte de produtos ao Brasil

O aumento dos voos permitirá "realizar a entrega de um pedido internacional no território brasileiro em, no máximo, sete dias", diz a empresa

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Evgenia Novozhenina/Reuters
Evgenia Novozhenina/Reuters

A AliExpress freta semanalmente 80 voos no mundo

Acessibilidade


A AliExpress anunciou hoje (24) que vai ampliar o número de voos que freta para transportar mercadorias do exterior para o Brasil para oito por semana ante seis no final do ano passado.

O novo reforço na operação ocorre em um momento em que varejistas locais começam a sentir o peso da alta dos juros e da inflação sobre as compras dos consumidores e em que outros grupos internacionais como Shopee, de Cingapura, reforçam apostas no Brasil com campanhas promocionais.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Segundo a AliExpress, marketplace do grupo chinês Alibaba, o aumento dos voos permitirá “realizar a entrega de um pedido internacional no território brasileiro em, no máximo, sete dias”.

A companhia também anunciou que vai promover na próxima semana “sua maior ação de descontos no Brasil, este ano”, três meses depois de ter realizado em março uma campanha promocional no Brasil.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

“As vendas na data (27 de março) registraram alta de 190% em relação a igual período do ano anterior”, afirmou em comunicado à imprensa a diretora do AliExpress no Brasil, Briza Bueno.

A ação do AliExpress ocorre cerca de dois meses depois que a Shopee inaugurou um segundo escritório na cidade de São Paulo para acomodar crescimento do número de funcionários, principalmente de operações para apoio à expansão dos negócios. A empresa também promoverá em 7 de julho uma campanha de descontos.

Segundo o índice da empresa de meios de pagamento Cielo, as vendas no varejo brasileiro tiveram em maio sua sétima alta seguida, com crescimento de 6,9% na ante o mesmo período de 2021, descontada a inflação.

Apesar da alta, relacionada à base comparativa de maio do ano passado, período atingido por restrições ao funcionamento do comércio graças à Covid-19, tal desempenho representa uma forte desaceleração frente a abril, quando houve aumento de 20,5%.

Inscreva-se na seleção para a lista Under 30 2022

Compartilhe esta publicação: