Audi investe R$100 mi para retomar produção de carros no Brasil

Compartilhe esta publicação:

 

Acessibilidade


SÃO PAULO (Reuters) – A montadora de carros de luxo Audi, do grupo Volkswagen, anunciou nesta quarta-feira investimento de 100 milhões de reais para reativar a produção em sua fábrica no Paraná, cumprindo planos divulgados no final do ano passado.

A Audi tinha paralisado a linha de produção paranaense em 2020, com o fim do ciclo de produto da versão anterior do utilitário Q3 e após o término do ciclo do sedã A3, em 2019.

A retomada da produção, que ocorre apesar de uma crise na oferta de autopeças e componentes eletrônicos, está ocorrendo com os novos modelos Q3 e Q3 Sportback, que chegam ao Brasil desmontados vindos de fábrica na Hungria.

Inicialmente, a fábrica terá capacidade produtiva máxima de quatro mil veículos por ano, em dois turnos, afirmou a Audi. Os veículos montados no Brasil serão destinados, inicialmente, apenas ao mercado interno.

O investimento foi realizado com “modernização da linha de montagem, que ganhou novos maquinários, ferramentais, equipamentos de controle de qualidade e sistemas de tecnologia da informação e infraestrutura logística”, afirmou a Audi em comunicado à imprensa.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Na última década, o montante de investimento da montadora no país atinge mais de meio bilhão de reais, informou a Audi.

Segundo o ranking de automóveis mais vendidos do país elaborado pela associação de concessionárias Fenabrave, a Audi acumula vendas de 1.636 veículos de janeiro a maio deste ano, atrás das marcas de luxo BMW, Volvo e Mercedes Benz. No mesmo período do ano passado, as vendas da Audi somaram 2.351 unidades.

(Por Alberto Alerigi Jr.)

Compartilhe esta publicação: