Bancos de investimento aumentam previsões de altas dos juros pelo BCE

O banco, que anteriormente esperava 1,0 ponto percentual de altas este ano, disse na semana passada que a leitura da inflação da zona do euro, que 1,0 ponto percentual é o mínimo que o banco irá entregar

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Ralph Orlowski/Reuters
Ralph Orlowski/Reuters

A medida do BCE coloca até mesmo residentes da UE sob maior escrutínio e dificulta para eles operarem contas bancárias

Acessibilidade


O BofA Securities espera agora que o Banco Central Europeu aumente as taxas de juros em 1,50 ponto percentual este ano, incluindo movimentos de 0,50 ponto em julho e setembro, disse o banco em uma nota hoje.

O banco, que anteriormente esperava 1,0 ponto percentual de altas este ano, disse na semana passada que a leitura da inflação da zona do euro, que 1,0 ponto percentual é o mínimo que o banco irá entregar.

“Nossa previsão já era mais ‘hawkish’ (inclinada a reduzir estímulos) do que o consenso, e é ainda mais agora. Continuamos a nos preocupar que isto seja muito e rápido demais”, disseram os analistas na nota.

Em nota separada, o Barclays disse na segunda-feira que agora espera que o BCE aumente os juros em 0,25 ponto em cada reunião de julho a dezembro.

Ele espera mais uma alta depois disso no primeiro trimestre do próximo ano, o que elevaria a taxa de depósito do BCE para 0,75%.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O BCE subiu pela última vez os juros em 2011 e sua taxa de depósito está atualmente em -0,50%.

Os mercados monetários precificam atualmente mais de 1,30 ponto de aumentos até o final do ano, com um movimento de 0,50 ponto em uma única reunião até outubro.

 

Compartilhe esta publicação: