CEO da Petrobras (PETR3; PETR4) pede demissão e ações caem 2% na Bolsa

Coelho é o terceiro presidente da estatal a deixar o comando da estatal

Redação
Compartilhe esta publicação:
REUTERS/Andressa Anholete
REUTERS/Andressa Anholete

O executivo José Mauro Coelho, que pediu demissão da Petrobras.

Acessibilidade


A Petrobras (PETR3; PETR4) informou hoje (20) que José Mauro Coelho pediu demissão do cargo de presidente-executivo da empresa nesta manhã. A estatal avalia a nomeação de um interino, que será examinada pelo Conselho de Administração da petroleira.

Na abertura da Bolsa, as ações da companhia foram suspensas e voltaram a ser negociadas por volta das 10h50. Às 11h05, as ações ordinárias (PETR3) caíam 2,24% e as preferenciais (PETR4) estavam em queda de 2,20%.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A renúncia de Coelho havia sido antecipada pelo jornal O Globo, com base em relatos de membros do conselho de administração da Petrobras que conversaram com o executivo durante o fim de semana.

A saída do presidente ocorre em meio à crescente pressão sobre a Petrobras, especialmente após o reajuste dos preços do diesel e da gasolina anunciado na última sexta (17), que provocou forte reação de políticos.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Coelho chegou à presidência da estatal no início de abril, mas deixa a empresa cerca de dois meses depois, após o governo decidir indicar Caio Paes de Andrade, alto funcionário do Ministério da Economia, para o principal cargo da Petrobras.

Coelho é o terceiro presidente da Petrobras a deixar o comando em um contexto de insatisfação do governo com a política de preços da estatal. Ele sucedeu o general da reserva Joaquim Silva e Luna e Roberto Castello Branco, que caíram após críticas do presidente Jair Bolsonaro sobre alta nos preços de combustíveis. (Com Reuters)

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: