Encomendas à indústria dos EUA têm alta modesta em abril

Compartilhe esta publicação:

 

Acessibilidade


WASHINGTON (Reuters) – As novas encomendas de bens fabricados nos Estados Unidos aumentaram menos do que o esperado em abril, mas a demanda por produtos continua forte, o que deve ajudar a manter as fábricas norte-americanas em atividade.

O Departamento de Comércio dos EUA informou nesta quinta-feira que as encomendas à indústria subiram 0,3% em abril, após avanço de 1,8% em março. Economistas consultados pela Reuters previam alta de 0,7%.

Em abril, houve alta nas encomendas de maquinário para automóveis e metais primários. Mas as encomendas de equipamentos elétricos, eletrodomésticos e componentes elétricos caíram 0,2%. Os pedidos de computadores e produtos eletrônicos subiram 0,1%.

O Departamento de Comércio também informou que os pedidos de bens de capital não relacionados a defesa, excluindo aeronaves –vistos como uma medida dos planos de gastos das empresas com equipamentos–, aumentaram 0,4% em abril, em vez de 0,3%, conforme relatado no mês passado.

Os gastos robustos das empresas com equipamentos ajudaram a sustentar a demanda doméstica norte-americana no primeiro trimestre, mesmo com a contração do PIB a taxa anualizada de 1,5% no período.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

(Por Lucia Mutikani)

Compartilhe esta publicação: