Ibovespa agrava perdas com queda de 0,67% na abertura

A Bolsa abriu entre perdas e ganhos em dia de feriado nos EUA, com crise na Petrobras como principal destaque interno.

Redação
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


O Ibovespa perdeu os 100 mil pontos após a sessão de sexta-feira (17) e agrava perdas na abertura do pregão de hoje (20). Às 10h10 (horário de Brasília), a Bolsa brasileira apresentava ligeira alta de 0,12%, a 99.944 pontos, mas virou logo para queda de 0,67%. Os investidores não vão contar com a referência de Wall Street na sessão de hoje, devido ao feriado do Dia da Independência nos EUA.

O destaque nacional é o reajuste nos preços dos combustíveis pela Petrobras (PETR3 e PETR4). A medida resultou em uma queda de 6% a 7% nas ações da estatal no pregão de sexta, com reações do governo para evitar novos aumentos.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

O presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), disse no Twitter que convocaria uma reunião hoje para discutir meios de investigar e conter novos reajustes de combustíveis pela petroleira. O encontro foi convocado de última hora e deve avaliar possíveis retaliações como dobrar a cobrança de CSLL (Contribuição Social Sobre o Lucro Líquido) da estatal ou implantar um imposto de exportação para compensar os aumentos dos combustíveis.

O presidente Jair Bolsonaro (PL) também fez a sua investida ao dizer que vai solicitar a abertura de uma CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) para investigar a atual gestão da Petrobras.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Segundo o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo, as ações da empresa ainda podem sofrer com uma instabilidade a mais: o presidente recém-eleito da estatal, José Mauro Coelho, pode renunciar ao posto no dia de hoje.

No radar de empresas, outra estatal que enfrenta instabilidade é a Eletrobras (ELET3 e ELET6). Nove membros (de dez) do conselho de administração da empresa de energia renunciaram a seus cargos. Em carta oficial, os conselheiros pontuaram ser “evidente” que, com a conclusão da privatização, um novo colegiado deverá ser formado para acompanhar a nova fase.

Rodrigo Limp, atual presidente da companhia, renunciou somente ao cargo de conselheiro e permanece no comando da empresa, informou a Eletrobras.

Estreiam hoje na B3 os recibos de ações (BDRs) do Inter&Co, nome do Banco Inter após a listagem de suas ações na Nasdaq pelo processo de reorganização societária. O ticker dos BDRs do Inter é INBR31.

A partir de quarta (22), os recibos do Inter vão constar nos extratos dos acionistas que não alienaram as ações do banco das quais eram titulares na sexta (17), último dia de negociação das ações listadas na Bolsa brasileira.

Cenário internacional

Com as bolsas de Nova York fechadas para o feriado, o destaque internacional está na Europa. Os mercados esperam o pronunciamento da presidente do BCE (Banco Central Europeu), Christine Lagarde, ao Parlamento Europeu. A dirigente terá que responder sobre a política monetária do bloco e sobre as medidas para evitar a fragmentação no mercado de dívida do bloco.

Os rendimentos dos títulos emitidos pela Itália e outras nações mais endividadas subiram desde que o BCE indicou como serão feitos os aumentos dos juros no bloco e encerrou um dos programas de compra de títulos devido à inflação crescente.

As medidas reacendem o medo de uma repetição da crise da dívida que quase derrubou o euro há uma década. Investidores elevam o spread entre os rendimentos dos títulos alemães e os das nações mais endividadas do sul para seu ponto mais alto desde o auge da pandemia há dois anos – um sinal de declínio da confiança nesses países.

Às 10h (horário de Brasília), as Bolsas europeias operavam majoritariamente em alta. Londres subia 1,39%; Frankfurt tinha alta de 0,53%, Paris avançava 0,25% e o índice europeu Stoxx 600 registrava aumento de 0,76%.

Na Ásia, as ações fecharam mistas depois de os bancos manterem suas taxas referenciais de empréstimo. As incorporadoras imobiliárias lideraram os ganhos à medida que as vendas de imóveis se recuperam com as medidas de apoio do governo para impulsionar a demanda.

A bolsa de Xangai fechou em -0,04% e Shenzhen encerrou o dia em alta de 1,27%. Em Tóquio, o Nikkei perdeu 0,74% e, em Seul, o Kospi caiu -2,04%. Em Taiwan, o Taiex recuou 1,75%. Em Hong Kong, o Hang Seng ficou no campo positivo e fechou em alta de 0,42%.

O dólar registra forte alta hoje pela manhã, de 2,32% às 10h10 (horário de Brasília), sendo negociado a R$ 5,1432 na venda.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: