IPC-S desacelera alta a 0,50% em maio com arrefecimento generalizado

Apesar do arrefecimento visto no mês passado, o índice geral ainda acumula alta de 10,28% nos últimos 12 meses

Reuters
Compartilhe esta publicação:
REUTERS/Amanda Perobelli
REUTERS/Amanda Perobelli

Consumidores fazem compras em rua comercial de São Paulo

Acessibilidade


O IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor Semanal) desacelerou a alta a 0,50% em maio, sobre 1,08% no mês anterior, de acordo com dados divulgados hoje pela FGV (Fundação Getulio Vargas), com várias classes de despesa mostrando decréscimo em suas taxas de variação.

Apesar do arrefecimento visto no mês passado, o índice geral ainda acumula alta de 10,28% nos últimos 12 meses.

Entre os destaques do mês, o grupo Alimentação desacelerou a alta para 0,45% em maio, contra taxa de 1,58% registrada em abril. Os Transportes também avançaram a ritmo mais moderado no mês passado, de 1,02%, frente a 2,13% anteriormente.

Já o grupo Habitação aprofundou as perdas, registrando baixa de 1,37% em maio, ante queda de 0,69% vista no mês anterior.

Outras classes de despesa também apresentaram decréscimo em sua taxa de variação, como Vestuário, Saúde e Cuidados Pessoais e Comunicação, embora o arrefecimento tenha sido menos expressivo que o dos grupos anteriores.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

 

Compartilhe esta publicação: