Viveo vê incremento de R$ 111 milhões no Ebitda até 2024

O Ebitda deve ser elevado gradualmente devido à captura de sinergias das 17 aquisições realizadas pela empresa desde o ano passado

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Amit Dave/Reuters
Amit Dave/Reuters

A expectativa é de captura de R$ 12 milhões em sinergias neste ano

Acessibilidade


A Viveo, fornecedora de materiais hospitalares e medicamentos, disse ontem (7) à noite que espera elevar o Ebitda gradualmente em R$ 111 milhões até o final de 2024 devido à captura de sinergias das 17 aquisições realizadas pela empresa desde o ano passado.

Segundo a Viveo, ou CM Hospitalar, o crescimento do Ebitda, lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização, virá de menores custos e da redução de despesas gerais, de vendas e administrativas.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A expectativa é de captura de R$ 12 milhões em sinergias neste ano, R$ 67 milhões em 2023 e R$ 32 milhões em 2024.

“No geral, sinergias administrativas das distribuidoras são capturadas de forma mais rápida e sinergias que envolvem capex (investimentos) de fábricas demoram mais”, disse a empresa em fato relevante ao mercado.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Viveo foi avaliada em R$ 5,7 bilhões em uma oferta pública inicial de ações (IPO) em agosto de 2021. Desde então, acertou a compra de uma série de companhias, incluindo Profarma Specialty, Life e Proinfusion como parte de um movimento de expansão.

Inscreva-se na seleção para a lista Under 30 2022

Compartilhe esta publicação: