Bullard, do Fed, vê crescimento econômico contínuo dos EUA

Aperto da política monetária alimentou temores de uma recessão no país

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Presidente do Fed de St. Louis, James Bullard, falando
REUTERS/Edgar Su

Presidente do Fed de St. Louis, James Bullard.

Acessibilidade


A economia dos Estados Unidos deve continuar a crescer este ano mesmo com os aumentos de juros promovidos pelo Federal Reserve para reduzir a inflação elevada, disse hoje (7) o presidente do Fed de St. Louis, James Bullard.

O aperto da política monetária pelo banco central norte-americano, juntamente com a inflação mais de três vezes acima da meta de 2% do Fed, alimentou temores de uma recessão nos EUA à frente, e muitos economistas estimam que o Produto Interno Bruto do país pode ter encolhido pelo segundo trimestre consecutivo no período de abril a junho.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Bullard, em uma apresentação preparada para um discurso na Câmara Regional de Little Rock, discordou dessa narrativa e apontou para uma medida alternativa, conhecida como Renda Interna Bruta, que mostra que a economia está na verdade expandindo.

“Neste ponto, parece que a medida (de renda bruta) é mais consistente com os mercados de trabalho observados, sugerindo que a economia continua crescendo”, disse Bullard. Ele destacou que o mercado de trabalho está “robusto” e apresenta o melhor desempenho em mais de 20 anos segundo diferentes medidas.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Os aumentos de juros do Fed até agora, juntamente com sua promessa de mais incrementos e as reduções recentes do balanço patrimonial “ajudam o Fed a mexer na política monetária mais rapidamente para o grau necessário para manter a inflação sob controle”, disse Bullard na apresentação.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: