Gastos com construção nos EUA caem inesperadamente em maio

Os gastos com construção nos EUA caíram 0,1% em maio, após alta de 0,8% em abril.

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Mike Blake/Reuters
Mike Blake/Reuters

Construção de moradias na comunidade de Valley Center, na Califórnia

Acessibilidade


Os gastos com construção nos Estados Unidos caíram inesperadamente em maio, com a paralisação da construção de casas para uma única família, mais uma evidência de que o aperto agressivo da política monetária pelo Federal Reserve está desacelerando a economia.

O Departamento de Comércio informou hoje (1º) que os gastos com construção caíram 0,1%, após alta de 0,8% em abril. Economistas consultados pela Reuters previam aumento de 0,4% nos gastos com construção. Em relação ao ano anterior, eles tiveram avanço de 9,7% em maio.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Os gastos com projetos de construção privada ficaram inalterados em maio, após avançarem 1,1% em abril. O investimento em construção residencial aumentou 0,2%, embora os gastos tanto com projetos para habitação de uma única família quanto multifamiliar tenham ficado estáveis.

A taxa fixa de hipoteca de 30 anos saltou para perto de 6% à medida que o banco central aumenta agressivamente os juros para domar a inflação.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

O investimento em estruturas privadas não residenciais, como perfuração de poços de petróleo e gás, caiu 0,4% em maio.

Os gastos com obras públicas recuaram 0,8%, após recuo de 0,3% em abril. Os gastos com projetos de construção dos governos estaduais e municipais caíram 0,8%, enquanto os do governo federal caíram 1,7%.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: