Sony reduz previsão de lucro após enfraquecimento dos videogames

A Sony cortou a previsão de lucro operacional anual da unidade de games em 16%, citando uma expectativa de queda nas vendas de jogos de desenvolvedores externos

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Getty Images
Getty Images

Logo da Sony

Acessibilidade


A Sony reduziu sua previsão de lucro após um primeiro trimestre fiscal fraco para os negócios da divisão de videogames PlayStation, que atribuiu a queda da demanda à falta de novos jogos e fim de medidas de isolamento social.

O lucro operacional da unidade de games da Sony caiu 37% no trimestre de abril a junho em relação ao mesmo período do ano anterior, o que o diretor financeiro, Hiroki Totoki, atribuiu à falta de títulos importantes e ao retorno da normalidade após o fim da fase aguda da pandemia.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

A Sony cortou a previsão de lucro operacional anual da unidade de games em 16%, citando uma expectativa de queda nas vendas de jogos de desenvolvedores externos enquanto registra despesas de uma conclusão mais cedo do que o esperado da compra da produtora Bungie, criadora das franquias “Halo” e “Destiny”.

A previsão de lucro operacional da Sony como um todo para o ano fiscal até março próximo foi reduzida em 4%, para 1,11 trilhão de ienes (US$ 8,37 bilhões).

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

A Sony teve aumento de 9,6% no lucro operacional do primeiro trimestre, para 307 bilhões de ienes, superando as estimativas de analistas, impulsionada pela demanda por filmes e programas de televisão.

O conglomerado disse que pretende vender 18 milhões de consoles PlayStation 5 neste ano fiscal. A empresa vendeu 11,5 milhões de unidades no ano fiscal encerrado em março.

A Sony vendeu 2,4 milhões de unidades do PS5 no primeiro trimestre, apenas um pequeno aumento em relação ao mesmo período do ano anterior, enquanto as vendas de jogos caíram 26%, para 47 milhões de unidades.

O conjunto de lançamentos de jogos para o PlayStation inclui títulos muito aguardados, como um remake de “The Last of Us”, em setembro, e “God of War Ragnarok”, em novembro.

As ações da Sony acumulam queda de 20% este ano, em comparação com uma queda de 3% no índice acionário da bolsa de Tóquio Nikkei 225.

Inscreva-se na seleção para a lista Under 30 2022

Compartilhe esta publicação: