Tim anuncia plano de transformação de ativos; veja os destaques do Radar

Últimas notícias sobre: BR Properties, Simpar, Unipar Carbocloro, Nexpe, Viver, Eternit e Oncoclínicas

Vitória Fernandes
Compartilhe esta publicação:

Acessibilidade


No Forbes Radar de hoje (7), a TIM Itália, controladora da Tim Brasil, divulgou um comunicado sobre seu plano de transformação, no qual está prevista uma possível separação de ativos de infraestrutura de rede fixa (NetCo) de serviços (ServiceCo com TIM Consumer, TIM Enterprise e TIM Brasil).

A BR Properties informou ao mercado que solicitou uma assembleia geral extraordinária (AGE) para deliberar sobre a redução do capital social da companhia, no valor de R$ 1,1 bilhão.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Confira os destaques:

Tim (TIMS3)

Na manhã de hoje (7), a TIM divulgou um comunicado sobre seu plano de transformação, que será apresentado ao mercado hoje.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.

Nele, o Conselho de Administração da TIM Itália conferiu mandato ao CEO, Pietro Labriola, para realizar todas as atividades necessárias para atingir o objetivo estratégico da integração vertical e reduzir o nível de endividamento da empresa, por meio da transferência e valorização de certos ativos do Grupo TIM.

O plano prevê uma possível separação de ativos de infraestrutura de rede fixa (NetCo) de serviços (ServiceCo com TIM Consumer, TIM Enterprise e TIM Brasil).

BR Properties (BRPR3)

A BR Properties informou ao mercado que solicitou uma assembleia geral extraordinária (AGE) para deliberar sobre a redução do capital social da companhia, no valor de R$ 1,1 bilhão.

De acordo com o documento, a companhia o considera excessivo e fará a movimentação sem o cancelamento de ações, mediante a restituição aos acionistas, de aproximadamente R$ 2,423298 por ação, considerando um total de 464.243.333 ações ordinárias.

Unipar Carbocloro (UNIP3)

A empresa aprovou a distribuição de dividendos intermediários no valor de R$ 125 milhões a partir de 5 de agosto.

De acordo com o documento, do total, R$ 40,9 milhões serão pagos aos titulares de ações ordinárias, que correspondem a R$ 1,1345 por papel. Outros R$ 81,2 milhões serão destinados aos detentores de PNB e R$ 2,7 milhões aos de PNA, com valor por ação de R$ 1,2479.

Simpar (SIMH3)

A Simpar anunciou sua 4ª emissão de debêntures simples no valor total de R$ 750 milhões.

Nexpe (NEXP3)

A Nexpe, ex-BR Brokers, informou ao mercado que, caso suas ações permaneçam cotadas abaixo de R$ 1 até o fim de setembro, irá adotar providências necessárias para seu grupamento.

Viver (VIVR3)

A Viver também anunciou que tomará medidas técnicas cabíveis para enquadrar suas cotações acima de R$ 1 até 21 de dezembro, já que os papéis operam abaixo desse nível desde maio.

Eternit (ETER3)

A Eternit divulgou que recebeu o aval da Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) para a aquisição da totalidade do capital da Confibra Indústria e Comércio Ltda.

Oncoclínicas (ONCO3)

A Oncoclínicas informou o cancelamento de 5 milhões de ações ordinárias, sem redução do valor do capital social. Com a movimentação, o capital social da companhia passou a ser dividido em 490.357.723 milhões de ações ordinárias. (Com Reuters)

Inscreva-se na seleção para a lista Under 30 2022

Compartilhe esta publicação: