Vendas de moradias usadas nos EUA têm nova queda em junho

As vendas de residências usadas recuaram 5,4% no mês passado, para uma taxa anual ajustada sazonalmente de 5,12 milhões de unidades

Reuters
Compartilhe esta publicação:
Sarah Silbiger/Reuters
Sarah Silbiger/Reuters

Placa anuncia venda de casa em Washington

Acessibilidade


As vendas de moradias usadas nos Estados Unidos caíram pelo quinto mês consecutivo em junho, para o nível mais baixo em dois anos, à medida que os preços recordes e taxas de juros crescentes tornam a compra de uma casa muito cara para uma parcela crescente das famílias norte-americanas.

As vendas de residências usadas recuaram 5,4% no mês passado, para uma taxa anual ajustada sazonalmente de 5,12 milhões de unidades, mínima desde junho de 2020, quando as vendas estavam se recuperando do tombo provocado pelo lockdown da Covid-19, informou a Associação Nacional de Corretores de Imóveis nesta quarta-feira.

As vendas caíram em todos os meses desde janeiro.

Economistas consultados pela Reuters previam queda nas vendas para uma taxa de 5,38 milhões de unidades. As vendas ficaram estáveis no Nordeste dos EUA e caíram nas regiões Centro-Oeste, Oeste e Sul.

As vendas de moradias usadas, que respondem por quase 90% das vendas de casas nos EUA, tiveram queda de 14,2% na comparação anual.

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Compartilhe esta publicação: