Confiança do consumidor dos EUA avança mais do que o esperado em agosto

A leitura preliminar de agosto do índice geral do sentimento do consumidor dos EUA calculado pela Universidade de Michigan subiu a 55,1

Eduardo Munoz/Reuters
Eduardo Munoz/Reuters

Consumidores fazem compras em uma loja do Walmart

Acessibilidade

O sentimento do consumidor norte-americano melhorou ainda mais em agosto em relação a uma mínima recorde de junho, e as expectativas de inflação das famílias norte-americanas para o curto prazo diminuíram novamente, devido à forte queda nos preços da gasolina, mostrou uma pesquisa hoje (12).

A leitura preliminar de agosto do índice geral do sentimento do consumidor dos EUA calculado pela Universidade de Michigan subiu a 55,1, contra 51,5 no mês anterior.

O índice tocou uma mínima recorde de 50 em junho. A leitura preliminar de agosto ficou acima da mediana das previsões de economistas consultados pela Reuters, de alta a 52,5.

A expectativa para a inflação em um ano na pesquisa caiu a 5,0%, menor patamar em seis meses, de 5,2% antes, enquanto a perspectiva para a inflação em cinco anos subiu para 3,0%, de 2,9%, mantendo-se dentro do intervalo que tem prevalecido durante os últimos 12 meses.