Megainvestidor Howard Marks indica os melhores investimentos com a inflação alta

O cofundador da Oaktree Capital participou da ExpertXP e deu dicas para os investidores brasileiros

Monique Lima
Compartilhe esta publicação:
Divulgação
Divulgação

Howard Marks é autor do livro “O mais importante para o investidor”

Acessibilidade


Howard Marks, megainvestidor e cofundador da Oaktree Capital, acredita que os altos níveis de inflação nos Estados Unidos devem se prolongar por mais tempo e resultar em uma desaceleração da economia norte-americano nos próximos meses devido ao aumento dos juros pelo Federal Reserve (banco central norte-americano).

Cofundador e copresidente do conselho de administração da Oaktree Capital, uma das maiores gestoras globais especializadas em crédito, atualmente com US$ 159 bilhões sob gestão, Marks se diz avesso a fazer previsões macroeconômicas e diz não saber qual será o patamar da inflação no próximo ano.

Acompanhe em primeira mão o conteúdo do Forbes Money no Telegram

Para ele, o momento é de investir em ativos que podem se beneficiar desse aumento de preços e acompanhar os caminhos da economia dos EUA para entender até onde vai a pressão inflacionária.

O megainvestidor indicou em palestra no evento ExpertXP três investimentos que considera adequados para o atual cenário de inflação global:

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
  • Compra de títulos de dívida pós-fixados;
  • Investir em imóveis com retornos na forma de aluguéis; e
  • Ações de empresas resilientes que conseguem repassar o aumento dos preços em produtos ou serviços.

“Uma das coisas que eu fiz foi comprar vários apartamentos, porque os aluguéis iam aumentar com o avanço da inflação”, afirmou Howard durante o evento.

Foco no longo prazo

Para Marks, os Estados Unidos irão passar por uma recessão nos próximos dois anos, mas o mercado já se antecipou e precificou os ativos de acordo com a desaceleração esperada.

O megainvestidor acredita que a postura mais adequada para esse momento é se manter neutro. “Na Oaktree ninguém acha que tudo vai melhorar para sempre e nem que tudo vai ficar ruim para sempre e estamos nos comportando de forma normal”, diz.

Segundo Marks, é um erro tentar lucrar nesse momento buscando a maior alta ou baixa de uma ação. Mudanças nas alocações com esse viés especulativo resultam em perdas, de acordo com o megainvestidor.

“Se você esperar um ônibus em um ponto, uma hora ele vai chegar e você vai embarcar. Mas se ficar pulando de ponto em ponto, pode perder a passagem do ônibus e não embarcar”, diz Marks ao exemplificar a importância do investimento de longo prazo.

Fazer uma boa pesquisa, estudar quais empresas têm potencial de crescimento e acreditar no próprio portfólio são as indicações do megainvestidor, que afirma que a beleza do mercado financeiro está no longo prazo.

“Com base no estudo, no conhecimento de como o dinheiro é feito e com trabalho árduo é possível prosperar”, afirma Marks.

>> Inscreva-se ou indique alguém para a seleção Under 30 de 2022

Compartilhe esta publicação: