Shark Tank: Sandra Chayo, da Hope, será jurada na próxima temporada do programa

A empresária, que é vegana, está interessada em negócios ligados à alimentação saudável e que tenham sustentabilidade como valor

Fabiana Corrêa
Compartilhe esta publicação:
Foto: Thiago Bruno
Thiago Bruno

Sandra Chayo espera contribuir com sua expertise em branding e lifestyle para os negócios apresentados no programa Shark Tank Brasil

Acessibilidade


Em junho, a rotina de Sandra Chayo, a executiva à frente da marca de lingerie Hope, fundada por seu pai, Nissim Hara, vai mudar radicalmente. Ela acaba de aceitar o convite para ser a nova jurada do programa Shark Tank Brasil, do canal Sony, ocupando o lugar deixado por Camila Farani na temporada que começa em agosto. “A gente incentiva essa cabeça de startup na empresa, então acho que o Shark Tank tem tudo a ver com nosso ambiente e vai ser uma boa troca e aprendizado.”

Leia também: Ela pediu demissão aos 49 anos e fez uma fortuna de R$ 27 bilhões

Sandra Chayo, uma das 20 eleitas pela Forbes entre as mulheres mais poderosas de 2022, foi sondada por dois anos seguidos para o Shark Tank, mas havia os compromissos do negócio e, além disso, não se sentia pronta para o tamanho da exposição que é estar na TV. Além das gravações intensas, tornar-se uma pessoa conhecida pelo público não era exatamente um objetivo. “Sou bastante tímida e reservada, mas a pandemia, com as lives e stories, foi um bom começo para começar a aparecer diante das câmeras.”

Tubarão vegano

A empresária espera fazer conexões com pessoas e negócios durante as gravações do Shark Tank Brasil. “Eu não tenho o hábito de investir em outras empresas, até agora só investi em gente, mas estou de olho em alguns mercados, como sustentabilidade e alimentação natural”, diz Sandra, que adotou uma dieta vegana há nove anos para ganhar mais saúde e espera encontrar empreendedores que tragam ideias ligadas à esse estilo de vida. “Hoje também tem a questão da ética com os animais. Tudo isso me interessa.”

Uma das expertises que a chegada de Sandra Chayo deve trazer ao Shark Tank é o branding, que exercita em seu papel à frente da fabricante de lingerie. “Consigo tracionar negócios por meio do branding e acredito que essa será uma oportunidade de contribuir com o que sei e de aprender um pouco mais.”

Inscreva-se para receber a nossa newsletter
Ao fornecer seu e-mail, você concorda com a Política de Privacidade da Forbes Brasil.
Compartilhe esta publicação: