Canoo anuncia van elétrica para entregas

Handout via Reuters
Handout via Reuters

A Canoo disse que oferecerá duas versões de tamanhos de seu veículo de entregas

A startup de veículos elétricos Canoo, que está abrindo capital por meio de uma fusão com uma empresa de aquisição de propósito específico (SPAC), revelou hoje (17) planos para seu segundo veículo, uma van de entregas, e traçou metas para desenvolver uma picape e construir microfábricas.

A Canoo disse que oferecerá duas versões de tamanhos de seu veículo de entregas, que terá preço inicial de cerca de US$ 33 mil. O veículo terá um lançamento limitado no final de 2022, com distribuição mais ampla em 2023.

LEIA MAIS: Itaú anuncia serviço de compartilhamento de veículos elétricos

“A plataforma não se trata apenas de entregar mercadorias, mas também de entregar casos de uso”, disse o presidente-executivo da Canoo, Tony Aquila, em entrevista.

Aquila disse que a Canoo planeja desenvolver uma picape, indo além dos planos de ter no segundo trimestre de 2022 um veículo de sete lugares semelhante a um casulo, com a van de entregas e um sedã esportivo em 2025. Ele não divulgou um cronograma do desenvolvimento da picape.

“Você nos verá apresentar uma linha completa de produtos”, disse ele.

A Canoo desenvolveu um “skate” – uma plataforma baixa que agrupa baterias e motores elétricos com componentes de chassi como direção, freios e rodas – na qual uma variedade de tipos de carrocerias de veículos podem ser montadas.

Enquanto a empresa, que abrirá capital no final deste mês por meio de um acordo com a SPAC Hennessy Capital, está pressionando para fechar um contrato de produção com a fornecedora Magna International, também pretende montar veículos próprios em microfábricas, disse Aquila.

O veículo será lançado inicialmente no mercado norte-americano, seguido por Canadá, México e Europa. (Com Reuters)

Siga FORBES Brasil nas redes sociais:

Facebook
Twitter
Instagram
YouTube
LinkedIn

Siga Forbes Money no Telegram e tenha acesso a notícias do mercado financeiro em primeira mão

Baixe o app da Forbes Brasil na Play Store e na App Store.

Tenha também a Forbes no Google Notícias.

Copyright Forbes Brasil. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução, total ou parcial, do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, impresso ou digital, sem prévia autorização, por escrito, da Forbes Brasil ([email protected]).